Torcedores – Notícias Esportivas

Agora no Pittsburgh Steelers, Mitchell Trubisky mostra confiança: “Pronto para contribuir como titular em qualquer equipe”

Dias antes de assinar com o Pittsburgh Steelers, Mitchell Trubisky afirmou que aprendeu muito na reserva de Josh Allen no Buffalo Bills

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Divulgação

Muito criticado por muitos fãs da National Football League (NFL), Mitchell Trubisky está de time novo. Na segunda-feira (14), o Pittsburgh Steelers contratou o atleta. Antes da data, no dia 22 de fevereiro, ele concedeu entrevista ao repórter Jeremy Fowler, da Entertainment and Sports Programming Network (ESPN). E, nela revelou que está com a confiança altíssima para o novo desafio.

Falando ao repórter, ainda sem saber que jogaria na equipe da Pennsylvania, Mitchell Trubisky exalava autoconfiança. “Estou confiante. Me sinto pronto para contribuir como titular em qualquer equipe. Meu período em Buffalo me abriu os olhos para muitas coisas”, exaltou-se.

Perguntado sobre o motivo pelo qual estava tão confiante, Mitchell Trubisky pontuou. Na visão do quarterback, a variação dos estilos de jogo é o principal motivo pelo qual está tão satisfeito com si próprio. “Depois de quatro anos em Chicago, só enxergava uma única forma de desenvolver meu jogo. Aprendi que existem outras possibilidades. Me ajudou muito a voltar a tomar decisões instintivas e usar meu talento”, destacou.

Em outro momento da entrevista, Mitchell Trubisky também falou sobre a relação dele com insucessos. O fato de ser reserva de um dos grandes atletas da liga na atualidade também foi relembrado. “Você não pode ter medo de cometer erros. Quando estamos jogando sem o peso da cobrança, conseguimos desenvolver nosso melhor. Eu quis aprender como o Buffalo Bills desenvolveram Josh Allen e absorvi da melhor maneira”, finalizou o jogador.

Histórico

Na National Collegiate Athletic Association (NCAA), Mitchell Trubisky atuou no North Carolina Tar Heels. O atleta foi recrutado no Draft NFL 2017 pelo Chicago Bears. Ficou na equipe até 2020, quando assinou com o Buffalo Bills. Para a próxima temporada, o jogador mudou de equipe novamente e foi para o Pittsburgh Steelers.