Torcedores – Notícias Esportivas

Mulher de jogador brasileiro que morreu no último domingo (10) em Portugal está grávida

Kalindi Souza estava no futebol português desde 2015 e morreu vítima de parada cardíaca

Mário André Monteiro
Jornalista com passagens por Portal iG, Fox Sports e Osasco Audax. Atualmente editor do Alemanha FC (http://www.alemanhafc.com.br). No Twitter: @alemao_mario e no Instagram: @marioalemao

Crédito: A Bola / Reprodução

No último domingo (10), o lateral-direito brasileiro Kalindi Souza morreu em Portugal vítima de uma parada cardiorrespiratória. Ele estava com 28 anos de idade e seu último clube havia sido o Académica, clube da cidade de Coimbra.

Nesta quarta-feira (13), três dias após o seu falecimento, a imprensa portuguesa revelou que a viúva do jogador está grávida. Por conta disso, alguns ex-companheiros e ex-clubes de Kalindi iniciaram uma campanha para arrecadar dinheiro para ajudar a mulher.

Nuno Ribeiro, massagista do Penafiel, time pelo qual o brasileiro atuou entre 2015 e 2018, foi quem iniciou a ação para angariação de donativos em uma conta bancária temporária que foi aberta justamente para essa finalidade.

As redes sociais do Penafiel também divulgaram a campanha para apoiar o financiamento do desenvolvimento do bebê, que não terá seu pai presente quando nascer.

O defensor começou sua trajetória no futebol português no Penafiel, em 2015, incialmente emprestado pelo Grêmio Anápolis. Em 2018, Kalindi foi contratado pelo Nacional da Ilha da Madeira e permaneceu na equipe até o fim de 2021.

Neste ano de 2022, o jogador acertou com a Académica de Coimbra, mas não chegou a entrar em campo pelo time e teve o vínculo rescindido no final do mês passado. Natural do Pará, o atleta foi revelado pela Tuna Luso e posteriormente acumulou passagens por Grêmio Anápolis, Pinheirense e São José-AP.

No dia da sua morte, o Nacional lamentou o ocorrido em postagem nas redes sociais.

“Lateral direito de posição, era um jogador explosivo e irreverente, enchendo o campo com a sua dinâmica, empenho e entusiasmo. Profissional exemplar, homem de grande caráter, sorriso fácil e sempre disponível para ajudar o amigo, faleceu aos 28 anos, deixando um enorme vazio no coração de todos quantos tiveram a felicidade de o conhecer e lidar com ele”.

A Académica também lamentou o ocorrido e decretou luto pela morte do jogador brasileiro, solidarizando-se com os familiares da vítima.