Torcedores – Notícias Esportivas

Em noite de #MadeInCotia, São Paulo vence Ayacucho na Sul-Americana

Com gol de Caio, Tricolor derrota equipe peruana e confirma campanha invicta e aguarda adversário nas oitavas de final da competição

Christopher Henrique
Estudante de jornalismo pela Universidade Nove de Julho, com passagem pelo SPFC24Horas. Amante do Futebol Nordestino e do interior, visito sempre alguns estádios e sou fotógrafo na várzea.

Crédito: Marcos Ribolli

Em jogo apenas para cumprir tabela, o São Paulo recebeu o Ayacucho no Morumbi e venceu por 1 a 0. O gol, marcado por Caio, foi o primeiro do jogador no elenco profissional. Além disso, a noite foi marcada pelos jogadores da base serem titulares contra os peruanos, se tornando a partida onde mais garotos entraram em campo no time titular (10).

A partida, que foi bem equilibrada durante os 90 minutos, com momentos de domínio do Tricolor, mas também do Ayacucho. No segundo tempo, o técnico Rogério Ceni deu oportunidade a jogadores que atuam no elenco principal, exemplos de Alisson, Igor Vinicius e Rigoni.

Aos 25 minutos, após falha da equipe peruana, a bola sobrou para Caio, e o atacante fez um belo gol, garantindo a vitória Tricolor. Na comemoração, o garoto de 19 anos se emocionou por marcar pela primeira vez no elenco profissional.

Com o resultado, o São Paulo termina a fase de grupos com 16 pontos, e aguarda sorteio das oitavas de final da Copa Sul-Americana, que será realizado nesta sexta-feira (27). Enquanto isso, o Ayacucho volta suas atenções para o campeonato peruano, onde briga para não cair.

FICHA TÉCNICA

São Paulo 1 – 0 Ayacucho

Data: 25/05/2022

Horário: 19h15

Estádio: Morumbi, em São Paulo (SP)

Público: 16.696 pessoas

Renda: R$ 478.699,00

Árbitro: Carlos Benitez (PAR)

Assistentes: Roberto Cañete (PAR) e Jose Villagra (PAR)

Gol: Caio (SPFC), aos 25’/2T

Cartões Amarelos: Magallanes, Toledo e Páucar (AYA)

São Paulo: Thiago Couto; Lucas Beraldo, Miranda e Luizão; Léo Silva (Rigoni), Pablo Maia, Luan (Maioli) e Talles (Palmerg); Toró (Igor Vinícius), Juan (Alisson) e Caio. T: Rogério Ceni

Ayacucho: Vidal; Salazar, Quina e Magallanes; Toledo, Páucar (Parodi), Barrios (Rebagliati), Techera (Olascuaga), Romani (Sebastián Gonzales) e Guidino; Royón (Morales). T: Alejandro Apud