Torcedores – Notícias Esportivas

Carvalhal faz revelação sobre o Flamengo e torcedores detonam Marcos Braz: “O barato sai caro”

Clube carioca descartou pagar multa rescisória para fechar com o português

Bruno Romão
25 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Marcelo Cortes / Flamengo

Acumulando trabalhos de destaque em Portugal, Carlos Carvalhal entrou na mira do Flamengo em duas oportunidades. Inicialmente, ele optou por recusar o Rubro-Negro, em 2020, após a saída de Jorge Jesus, já que o Brasil estava sofrendo os efeitos da pandemia.

Minha esposa, meu filho, minha filha, todos me disseram o mesmo – é uma pandemia, muito perigosa, não sabemos o que vai acontecer. Decidi que não poderia ir para o Brasil”, relatou à Sky Sports.

Posteriormente, o time carioca procurou o treinador no final de 2021, mas a multa rescisória imposta pelo Braga, de 10 milhões de euros, impediu o acerto. Sendo assim, o profissional, mesmo com a temporada em andamento, indicou que aceitaria a oferta. Porém, o cenário não se concretizou, tendo em vista que o valor não foi reduzido.

Flamengo veio a Portugal, mas não havia disposição de pagar, no Brasil não há essa cultura. Percebi cedo que não iria evoluir. Depois apareceu o Atlético-MG, algo real, mas em função do compromisso que tinha com Braga nem sequer vacilei”, disse Carvalhal ao jornal A Bola.

Diante disso, Marcos Braz passou a ser detonado por torcedores do Flamengo. Isso porque o vice-presidente de futebol optou por “economizar” na procura por um treinador. Nas tratativas com Paulo Sousa, o próprio português pagou a multa rescisória de 300 mil euros (R$ 2 milhões).

“Sinto-me com mais energia do que nunca. Eu paguei pra estar nesse clube e vou ser muito feliz nesse clube”, afirmou o português.

Veja abaixo as críticas direcionadas para Marcos Braz.