Home Mercado da Bola Santos quer destaque do Goiás, mas ouve pedida de R$ 92 milhões

Santos quer destaque do Goiás, mas ouve pedida de R$ 92 milhões

Peixe não deve realizar investimentos, ainda mais tão altos, no atleta de 27 anos

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.

O Santos segue em busca reforços para o Brasileirão Série A e um novo nome foi indicado pela comissão técnica à diretoria. O polivalente meio-campista Dieguinho, destaque do Goiás, era um desejo de Odair Hellmann, mas não deve chegar ao Peixe. Isso porque, segundo o jornal A Tribuna, o Goiás disse que só vai negociar o atleta pelo pagamento integral da multa de 18 milhões de dólares, que em valores convertidos chega a R$ 92 milhões.

PUBLICIDADE

Não há interesse do Goiás em negociar Dieguinho neste momento, segundo a publicação. Isso porque o jogador é visto como uma peça difícil de ser substituída no plantel do Esmeraldinho. Dieguinho pode atuar na equipe como volante, lateral-direito e até mesmo como atacante aberto pelo lado direito. O Goiás também já garantiu que quem quiser comprar Dieguinho terá que pagar a multa de forma integral, não sendo possível parcelar os R$ 92 milhões. A troca por outros atletas também não está em cogitação.

Com todos os entraves, qualquer negociação envolvendo Santos e Goiás por Dieguinho é considerada improvável, visto que o Santos não tem um alto valor em caixa e não deve pagar pelo atlea de 27 anos.

PUBLICIDADE

Dieguinho deve seguir no Goiás

O polivalente jogador de 27 anos foi revelado pelo Barcelona-RJ em 2017. Ele então passou a rodar pelo futebol do Rio de Janeiro e defendeu vários clubes do Estado. Atuou pelo Resende, depois foi emprestado ao Friburguense, retornou ao clube e passou por novos empréstimos: mais uma vez ao Friburguense e à Portuguesa-RJ.

Em 2020 saiu do futebol do Rio para defender o Boa Esporte, de Minas Gerais. Foram 24 jogos pelo clube mineiro, onde se destacou e foi contratado pelo Goiás em 2021. Tem sido titular do Esmeraldino desde então. São mais de 80 jogos disputados pela equipe goiana.