Home Futebol Dois jogadores quase contratados pelo Vasco falharam ontem na Libertadores

Dois jogadores quase contratados pelo Vasco falharam ontem na Libertadores

Atletas foram protagonistas do lado negativo na decisão por pênaltis entre Internacional e River Plate

Marco Maciel
Sou jornalista, formado pela PUCRS em 2007. Trabalhei na web rádio Voz do Futebol. Também fui redator e assessor de imprensa da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade). Edito o site SAMBARIO, voltado para sambas-enredo, desde 2004. No canal do YouTube do portal (@sambariosite), entrevistamos mais de uma centena de personalidades do samba e do carnaval nos tempos da pandemia. Entrei no time do Torcedores.com em maio de 2022 e escrevo para o site NasPistas.com desde maio de 2023.

Desde quando o grupo norte-americano 777 Partners adquiriu a SAF do Vasco da Gama, o Cruzmaltino se tornou um dos clubes mais ativos no mercado da bola. Assim, muitas contratações desembarcaram no Rio para jogar em São Januário. Além disso, outros atletas costumam ser especulados pelo Gigante da Colina, mas sem chegar a um acerto depois de negociações.

PUBLICIDADE

Dois destes jogadores estiveram em campo no Beira-Rio nesta terça-feira (08). Na eletrizante decisão por pênaltis vencida pelo Internacional contra o River Plate, Carlos De Pena e Robert Rojas erraram suas cobranças.

De Pena não respondeu ao pré-contrato enviado pelo Vasco

O meio-campista uruguaio que defende o Colorado esteve muito perto do Vasco, antes mesmo do clube virar SAF. Em março de 2022, De Pena chegou a ter um acerto verbal com o Cruzmaltino. Na ocasião, o jogador estava de saída do Dínamo de Kiev, em virtude da guerra entre Ucrânia e Rússia.

Então, o Vasco chegou a enviar o pré-contrato para os representantes de De Pena. Contudo, os agentes do uruguaio não responderam mais ao clube carioca. Ao mesmo tempo, o jogador fecharia com o Internacional. Logo após se destacar no Beira-Rio em 2022, o atleta não realiza uma boa temporada em 2023.

Criticado pelos torcedores colorados, De Pena foi responsável direto pela eliminação na Copa do Brasil para o América-MG em maio. Na cobrança de pênalti, escorregou e deu dois toques na bola, com o gol invalidado. Ontem (08), aconteceu o mesmo com o atacante Solari, do River. Assim, De Pena teve a chance de se redimir e fazer o gol da classificação, mas chutou na trave esquerda.

Rojas quase foi contratado na janela finalizada recentemente

Já o zagueiro paraguaio Robert Rojas amargou o famoso clichê “de herói a vilão”. Minutos depois de entrar na partida, na reta final do segundo tempo, o defensor marcou o gol que levou a decisão para os pênaltis.

PUBLICIDADE

Entretanto, depois de uma longa e tensa disputa da marca da cal que já durava 18 cobranças, com direito até a troca de lado do gol, Rojas chutou no travessão. Então, o goleiro colorado Rochet converteu e eliminou o River Plate da Libertadores.

A contratação do zagueiro pelo Vasco estava encaminhada junto ao clube argentino para a janela encerrada no último dia 2. Mas ocorreu um entrave entre Rojas e o River Plate, que exigiu a renovação de contrato do paraguaio para que pudesse emprestá-lo ao Cruzmaltino. Mas o jogador recusou o acordo e, dessa forma, a transação travou.