Home Futebol 3 jogadores convocados por Fernando Diniz não foram utilizados em jogos das Eliminatórias

3 jogadores convocados por Fernando Diniz não foram utilizados em jogos das Eliminatórias

Dos 24 jogadores convocados por Diniz, três não entraram em campo

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
eliminatorias-lucas-perri

Staff Images / CBF

Fernando Diniz convocou 24 jogadores para enfrentar Colômbia e Argentina, pelas Eliminatórias – com duas derrotas da seleção brasileira -, e não utilizou três atletas.

PUBLICIDADE

Dois deles são os goleiros reservas, Bento, do Athletico Paranaense, e Lucas Perri, do Botafogo. Além deles, o único jogador de linha que não foi a campo foi o zagueiro Bremer, da Juventus.

Os jogadores menos utilizados por Fernando Diniz

Dos jogadores convocados por Fernando Diniz, os únicos que entraram no segundo tempo dos dois jogos foram o volante Douglas Luiz e o atacante Endrick.

PUBLICIDADE

O reserva com maior minutagem, porém, foi João Pedro, que entrou no primeiro tempo do duelo com a Colômbi após a lesão de Vinícius Júnior. O atacante atuou por 70 minutos, mas não entrou contra a Argentina.

Endrick teve 15 minutos em campo contra a Colômbia e 25 minutos contra a Argentina, totalizando 40 minutos nos dois jogos. Douglas Luiz, por sua vez, entre por 15 minutos contra a Colômbia e 19 minutos contra a Argentina, totalizando 34 minutos em campo.

Contra a Colômbia, ainda entraram em campo Paulinho e Pepê. Paulinho teve 28 minutos em campo com Diniz, enquanto Pepê atuou por 16 minutos em Barranquilla.

Contra a Argentina, estiveram em campo também Raphael Veiga, que jogou por 19 minutos, e Joelinton, que esteve no gramado por apenas nove minutos, já que entrou em campo aos 27 minutos e foi expulso aos 36 pelo árbitro da partida.

PUBLICIDADE

O Brasil é apenas o sexto colocado nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo, com sete pontos ganhos. Foram duas vitórias, contra Bolívia e Peru, um empate com a Venezuela, além de três derrotas, para Uruguai, Colômbia e Argentina. A seleção, ainda assim, estaria de forma direta na Copa do Mundo 2026, já que seis seleções vão diretamente ao Mundial, enquanto o sétimo colocado vai disputar uma repescagem.