Home Mídia Esportiva Velloso cai da cadeira na redação da Band, câmera flagra e Neto não perdoa; assista

Velloso cai da cadeira na redação da Band, câmera flagra e Neto não perdoa; assista

Momento cômico virou trecho do programa da Band

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
velloso-neto

Reprodução / Band

PUBLICIDADE

O ex-goleiro e atual comentarista Velloso tomou um tombo na redação da Band, em São Paulo, e virou piada entre os companheiros de emissora. A cena foi encontrada por meio de uma gravação de câmera de segurança e Neto não perdoou.

Amigo e apresentador do Os Donos da Bola, programa que tem a participação de Velloso, Neto transmitiu a imagem da queda do comentarista durante a atração. Assista:

Veja o diálogo entre Neto e Velloso na cômica cena

Velloso: É expulsão do Cascão, o Cascão puxa a cadeira. Olha lá.

PUBLICIDADE

Neto: Está ali todo mundo, o Rodrigo, a ‘Kit Kat’ comendo um chocolate. O que aconteceu? Machucou o braço? O Velloso machucou o braço. O que aconteceu ali?

Velloso: Foi o Cascão!

Neto: Ai meu Deus do céu! Olha o Velloso caindo aqui na Band, que legal. O Danilo ficou ali super preocupado com o Velloso caindo. Não fico nem aí. A ‘Kit Kat’ também nem aí para você.

A cena gerou risadas de todos os que participavam do programa e virou piada entre os integrantes da atração.

PUBLICIDADE

O ex-goleiro é comentarista fixo da Band no Os Donos da Bola há alguns anos. Em campo, ele foi ídolo do Palmeiras e do Atlético-MG. Pelo Verdão, Velloso atuou desde que foi revelado, em 1988, passando rapidamente pelo União São João, em 1992, e logo voltando ao Palmeiras.

Seguiu no clube até 1999, quando perdeu a posição para Marcos e saiu para o Atlético-MG. Seguiu no Galo até 2004. Encerrou a carreira em 2005 com a camisa do Atlético Sorocaba. Velloso tem como principais títulos uma Libertadores pelo Palmeiras, além de uma Mercosul e dois títulos de Brasileirão, além de uma Copa do Brasil. Pelo Atlético-MG, conquistou apenas dois títulos do Campeonato Mineiro, em 1999 e 2000.