Home Futebol Denílson cita Messi e Cristiano Ronaldo, mas “exclui” Neymar ao montar jogador perfeito 

Denílson cita Messi e Cristiano Ronaldo, mas “exclui” Neymar ao montar jogador perfeito 

Comentarista da Band surpreendeu ao cravar Mbappé como escolhido no critério técnica

Bruno Romão
26 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: [email protected]
Denílson montou jogador ideal e não citou Neymar.

Denílson, comentarista da Band (Reprodução)

Desafiado a montar o jogador perfeito, Denílson optou por mencionar apenas um brasileiro. Mesmo podendo incluir Neymar como dono da melhor qualidade técnica do mundo, o pentacampeão optou pela presença de Mbappé na lista. Neste cenário, a relação contou apenas com Vinícius Júnior, craque do Real Madrid, entre os brasileiros.

PUBLICIDADE

Entre todos os nomes mencionados, Cristiano Ronaldo foi o único que ganhou a preferência dupla de Denílson. Além de ser visto como o melhor canhoto do mundo, o português desbancou os concorrentes no critério envolvendo arremates com as duas pernas. Veja abaixo o grupo completo.

  • Passe: Toni Kroos
  • Inteligência: De Bruyne
  • Força: Haaland
  • Técnica: Mbappé
  • Finalização: Lewandowski
  • Velocidade: Vini Júnior
  • Melhor jogador com a perna esquerda: Messi
  • Melhor jogador com a perna esquerda: Cristiano Ronaldo
  • Melhor jogador com as duas pernas: Cristiano Ronaldo

Denílson não vê Neymar como único protagonista da seleção

Em 2023, no Jogo Aberto, Denílson falou sobre a divisão de responsabilidades na seleção brasileira. Mesmo que Neymar ainda seja o dono do status de principal jogador, o comentarista acredita que Vinícius Júnior e Rodrygo devem ganhar um protagonismo maior na Copa do Mundo de 2026.

“Eu acho que ele já está nessa fase de dividir responsabilidade. Eu acho que o Neymar já não é aquele jogador que vai pegar a bola do meio de campo e levar até o gol e fazer o gol, como ele já foi. É um jogador que é importante, mas hoje ele olha para o lado e vê um Rodrygo e um Vinicius Jr. Ele olha para o lado e vê jogadores que podem dividir essa responsabilidade com ele.”, sinalizou.