Home Futebol Muller crava três times que vão dominar o futebol brasileiro

Muller crava três times que vão dominar o futebol brasileiro

Ex-jogador vê protagonismo de outro time no cenário estadual, mas no âmbito geral aponta apenas três forças

Cido Vieira
Jornalista graduado no Centro Universitário Uninter. Trabalho no Torcedores.com desde 2017, desempenhando a função de redator. Sou setorista do futebol pernambucano em rádios locais e um verdadeiro apaixonado pelo esporte bretão.
Muller crava três times que vão dominar o futebol brasileiro

Muller é comentarista do Mesa Redonda (Divulgação - TV Gazeta)

PUBLICIDADE

A temporada 2024 está apenas em seu início, mas a projeção de clubes que são cotados como favoritos a “ganhar tudo” já começou na mídia esportiva. No programa “Mesa Redonda”, da TV Gazeta, o comentarista Muller foi questionado se o São Paulo será um dos protagonistas do país no ano, e ele foi enfático ao colocar o time do Morumbi abaixo de outras três grandes forças: Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras.

“O SPFC briga lá em cima no Paulistão, mas com Flamengo, Palmeiras e Atlético-MG eu acho difícil o São Paulo bater de frente”, opinou Muller, sendo rebatido pelo treinador Sergio Soares.

“O São Paulo vai competir. É um time mais organizado. O Dorival saiu, mas o Carpini está dando sequência. O jogo de ontem foi ruim, mas isso não significa que ele não vai competir em alto nível. Eu acho que o SPFC vai brigar bonito. Eu gosto do Lucas, é um grande ponto neste time”, disse o técnico de 57 anos, atual comandante da Juventus.

PUBLICIDADE

Exaltado por Soares, o SPFC conquistou no início do mês a Supercopa Rei diante do arquirrival Palmeiras, triunfando nas penalidades no embate do Mineirão, após empate sem gols no tempo normal, embolsando assim mais de R$ 10 milhões em premiação.

Muller analisa primeira derrota do SPFC no ano

Ainda na atração, o ex-jogador minimizou o resultado negativo do Tricolor frente à Ponte Preta, mas não deixou de questionar o técnico Thiago Carpini por conta das reclamações do treinador acerca do gramado do Moisés Lucarelli.

“Não foi uma derrota para se preocupar. Claro, ninguém gosta de perder, mas o SPFC mereceu perder porque não jogou nada. Foi muito ruim. Independente do Carpini culpar o gramado. Estava em más condições para os dois lados. A Ponte Preta foi efetiva”, avaliou Muller.