Home Futebol CBF lança campanha antirracismo em apoio a Vinícius Junior; confira

CBF lança campanha antirracismo em apoio a Vinícius Junior; confira

Entidade máxima do futebol brasileiro intensifica a atitudes de combate à discriminação racial antes de amistoso em solo espanhol, onde o atacante vem sofrendo sequentes ataques

Daniel Linhares
Daniel Linhares é um dos editores do Torcedores.com. Com passe negociado junto à equipe ao final da temporada 2022, segue acumulando experiência e contribuindo para o time conquistar taças. Sempre atento aos assuntos futebolísitcos e os desdobramentos que vão além das quatro linhas.
Entrevista Vinícius Júnior

Vinícius Júnior em entrevista coletiva antes de amistoso da seleção brasileira contra a Espanha. (Créditos: Rafael Ribeiro/CBF)

A CBF tornou pública a campanha antirracismo ‘Uma só Pele’ em apoio ao atacante Vinícius Júnior, na tarde desta segunda (25). A entidade máxima do futebol brasileiro vem realizando ações para criticar e combater os atos de discriminação racial no esporte, em especial após o jogador brasileiro se destacar nessa luta.

PUBLICIDADE

A campanha antirracismo da CBF, que tem o slogan “uma só pele; uma só identidade”, foi lançada na vespera do amistoso contra a Espanha, a ser disputado neste terça (26) no Santiago Bernabéu, em Madrid. Segundo a CBF, a ação é promovida em conjunto com a Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) e terá identidade visual com destaque para as cores preta e branca.

Logo quando anunciou que o amistoso contra a seleção espanhola estava marcado, a CBF já havia declarado que pretendia fazer da partida um ‘reforço’ ao combate ao racismo. Tal inciativa veio após a intensificação dos ataques de discriminação racial contra Vinícius Júnior no futebol espanhol.

Campanha antirracismo da CBF tem encontro de Vinícius Júnior e Rodrygo com atletas espanhóis antes da partida

As manifestações de combate à discriminação racial já se iniciaram nesta segunda-feira (25). A CBF e a RFEF promoveram um encontro entre os atacantes Vinícius Júnior e Rodrygo com Nico Williams e Lamine Yamal, do Athletic Bilbao e Barcelona, respectivamente.

Os quatro jogadores que disputam a La Liga seguraram camisas da seleção adversária para uma foto no centro do Santiago Bernabéu, com a intenção de demonstrar união no combate ao racismo.

Ainda nesta segunda, o atacante Vinícius Júnior concedeu entrevista coletiva e fez fortes desabafos sobre os ataques racistas que vem recebendo no futebol espanhol. Sem esconder a emoção, o atacante brasileira revelou a tristeza de encarar a recorrente discriminação.

PUBLICIDADE

Nesta terça (26), a seleção brasileira enfrenta a Espanha no último compromisso desta Data Fifa. O escrete canarinho comandado por Dorival Júnior encara a ‘Fúria’ a partir das 17h30 (de Brasília), no Santiago Bernabéu, casa do Real Madrid.