Home Extracampo Escândalos de corrupção abalam Federação Espanhola de Futebol

Escândalos de corrupção abalam Federação Espanhola de Futebol

Luis Rubiales, que foi banido do futebol pela Fifa após beijo não consentido na atacante Jenni Hermoso, agora responde por corrupção; cinco pessoas da entidade máxima do futebol espanhol foram detidas 

Renato Roschel
Editor-chefe do Torcedores.com. Há mais de 30 anos com trabalhos nas áreas de jornalismo e produção de conteúdo. Já colaborou para jornais como Folha de S. Paulo e Valor Econômico. Foi correspondente da Rádio Eldorado em Londres, editor da Revista Osesp e é tradutor, revisor, organizador e autor de diversos livros, entre eles, Literatura Livre: ensaios sobre ficções que formaram o Brasil, obra publicada pelo Sesc em 2022.
Luis Rubiales

Luis Rubiales, ex-presidente da RFEF é investigado na Espanha em caso de corrupção (IMAGO/ Pacific Press Agency)

A Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) está no olho do furacão em razão de acusações de corrupção e lavagem de dinheiro.

PUBLICIDADE

As repercussões do caso Luis Rubiales foram substanciais, porém, agora a entidade se vê imersa num escândalo que está causando um verdadeiro terremoto no cenário futebolístico espanhol.

Investigações revelaram procedimentos questionáveis da RFEF nas negociações de contratos referentes à Supercopa da Espanha, que é realizada na Arábia Saudita desde 2020.

PUBLICIDADE

Operações de busca e apreensão na Federação Espanhol de Futebol

Relatos recentes indicam que a sede da RFEF em Las Rozas tornou-se palco de operações policiais desde as primeiras horas do dia, conforme disseminado pela AFP. Os agentes cumpriram determinação de busca e apreensão na sede da entidade.

Estas ações fazem parte de uma investigação aprofundada das autoridades espanholas voltada para as possíveis irregularidades nos contratos firmados para a realização da Supercopa da Espanha.

As buscas não se restringem apenas à sede da federação. A polícia espanhola também realizou buscas na residência do ex-presidente da RFEF, Luis Rubiales.

PUBLICIDADE

Embora Rubiales não estivesse presente no momento da operação, o episódio mostra o alcance das investigações que estão em andamento. Cinco pessoas já foram detidas até o momento como parte das investigações que podem levar a novas prisões no futuro. 

As acusações levantadas contra a RFEF são de extrema gravidade, destacando práticas de corrupção e lavagem de dinheiro que ameaçam abalar os alicerces do futebol espanhol. Diante dessas revelações, o cenário futebolístico na Espanha enfrenta um momento de grande incerteza e consternação. 

Confirmadas as denúncias, o episódio pode ser desastroso não somente para os envolvidos diretamente, mas também para a imagem e reputação da RFEF.

Além disso, o impacto dessas informações pode ser sentido além das fronteiras do país, colocando em xeque a integridade do esporte e a transparência de suas entidades reguladoras.

PUBLICIDADE