Home Futebol Leila Pereira cita Endrick e manda recado após vitória da seleção brasileira

Leila Pereira cita Endrick e manda recado após vitória da seleção brasileira

Presidente do Palmeiras está chefiando a delegação do Brasil nos dois amistosos na Europa

Eder Bahúte
Jornalista diplomado. Apaixonado por radiojornalismo e esportes em geral. Especialista em nada, mas dá pitaco em tudo. Leitura de biografias, games e séries. Contato: [email protected]
Endrick

Leila comemora vitória da seleção brasileira - Divulgação/Instagram

Com gol de Endrick, o Brasil venceu a Inglaterra por 1 a 0, em jogo realizado neste sábado (23), no estádio de Wembley. Acionado no segundo tempo, o atacante do Palmeiras brilhou ao aproveitar o rebote na finalização de Vinicius Júnior. Leila Pereira, nas redes sociais, vibrou com o resultado e, sobretudo ao lado de atletas do Verdão.

PUBLICIDADE

“Orgulho imenso por viver a história e representar o Palmeiras, juntamente com Endrick, Murilo e Serginho!”, escreveu a mandatária palmeirense.

A partida marcou a estreia de Dorival Júnior como técnico da seleção brasileira. Em campo, mesmo com muitas mudanças e poucos dias de trabalho, o que se viu foi uma equipe bastante solidária e focada em vencer os ingleses. Apesar de algumas dificuldades, principalmente no primeiro tempo, o Brasil foi corajoso, equlibrado e que poderia até mesmo ter aberto o placar antes.

PUBLICIDADE

“O time do Dorival Jr mostrou ter personalidade e muita confiança nas jogadas. Agora, Dorival não pode ter mais nenhuma dúvida de quem deve ser o camisa 9 titular da seleção brasileira. Esse cara se chama Endrick, que fez seu primeiro gol na seleção em pleno palco histórico de Wembley”, relatou Walter Casagrande, no UOL Esporte.

Endrick brilha e abre caminho pela titularidade na seleção brasileira

Com apenas 17 anos, o garoto que é destaque no Palmeiras começou o jogo entre Brasil x Inglaterra no banco de reservas. Endrick entrou no segundo tempo e, poucos minutos depois, marcou o seu primeiro gol pela Seleção Brasileira. Desta forma, se tornou o quarto mais jove na história a conseguir tal feito.

PUBLICIDADE

“É uma sensação única. Ainda estou raciocinando. Tudo isso (nervosismo) me prejudicou um pouco no final, na bola que eu tive no final, não vou mentir. Eu estava só pensando no gol”, afirmou Endrick.