Home Futebol Arsenal derrota Wolverhampton e assume liderança da Premier League

Arsenal derrota Wolverhampton e assume liderança da Premier League

Os gunners mostraram motivação após a eliminação na Champions League contra o Bayern de Munique e conseguiram vitória por 2 a 0

William Nunes
Formado em produção audiovisual pela PUCRS, William Nunes começou a trabalhar no Torcedores.com em 2022. Especialista em futebol internacional e fã da Premier League, escreve diariamente sobre os assuntos mais pertinentes do mundo da bola, com destaque para informações sobre Manchester United, City, Arsenal, Chelsea, Liverpool, Tottenham, Bayern de Munique, PSG, Barcelona e Real Madrid. Administrador de duas contas no YouTube, uma em inglês e outra em português. Conhecido nas redes sociais como "WilliamSkynyrd", trabalho escrevendo textos esportivos e fazendo vídeos de memes de gatos.
Trossard comemora gol marcado pelo Arsenal contra o Wolverhampton pela Premier League

Trossard comemora gol marcado pelo Arsenal contra o Wolverhampton pela Premier League (Reprodução/X/Arsenal)

Neste sábado (20/04), o Arsenal enfrentou o Wolverhampton fora de casa na Premier League em um jogo fundamental na briga pelo título.

PUBLICIDADE

De um lado, o Wolverhampton faz uma temporada média e, mesmo sem correr riscos de rebaixamento, precisava de uma vitória par subir na tabela de classificação.

Já do outro lado, o Arsenal, abalado após a eliminação na Champions League para o Bayern de Munique no meio da semana, tentava a recuperação no Campeonato Inglês, ainda sonhando com o título após perder a liderança e ver o Manchester City abrir vantagem na primeira colocação no último final de semana.

PUBLICIDADE

Como foi a vitória do Arsenal sobre o Wolverhampton pela Premier League?

A partida começou com o Arsenal atacando intensamente o Wolverhampton. A equipe inglesa não parecia abalada após a eliminação decepcionante contra o Bayern de Munique no meio da semana.

A primeira chance do Arsenal foi aos 14 minutos, quando Declan Rice fez jogada pelo meio-campo e mandou de longe, com José Sá saltando para defender.

O meio-campista tentaria novamente aos 19, quando ele bateu de fora da área e a bola passou raspando a trave do goleiro português.

O Arsenal pressionava o adversário contra o campo de defesa, trocando passes e procurando espaços no sistema defensivo. Apesar disso, a equipe de Arteta não conseguia ser incisiva o suficiente, demorando para abrir o placar.

PUBLICIDADE

Depois de tanta pressão continua, o sistema defensivo do Wolverhampton não aguentou e cedeu o gol aos 44 minutos. No lance, Gabriel Jesus encontrou Trossard na entrada da área e o belga bateu dali mesmo, acertando no canto e vencendo José Sá, 1 a 0.

Na segunda etapa, o Arsenal continuou tentando pressionar, porém, o Wolverhampton passou a criar algumas chances de gol.

Aos 10 minutos, em jogada de ataque, Kai Havertz tentou bater de fora da área e José Sá foi muito bem para fazer a defesa.

O Arsenal continuava tentando marcar, enquanto o Wolverhampton tinha muitas dificuldades para chegar no ataque com perigo, facilitando a partida para o Arsenal.

PUBLICIDADE

Somente nos acréscimos o jogo ganhou emoção e o Arsenal voltou a ter chances. Aos 48, Declan Rice faz bela jogada e manda uma bomba de longe, com José Sá mergulhando para espalmar para fora.

Logo em seguida, o Arsenal avançou pelo meio, Odegaard recebeu pela direita da área e tentou bater para o gol, mas a bola sobrou para o meio-campista próximo à linha de fundo e ele bateu com curva, surpreendendo o goleiro e marcando mesmo com pouco espaço, 2 a 0.

Vitória do Arsenal e retorno temporário à liderança da Premier League. O Manchester City não atua pelo competição neste final de semana, já que disputa a Copa da Inglaterra.