Home Futebol Cleber Machado crava time a ser batido no futebol brasileiro: “Mais difícil”

Cleber Machado crava time a ser batido no futebol brasileiro: “Mais difícil”

Narrador deixou o Flamengo de lado na abordagem e destacou o equilíbrio protagonizado por concorrente nas últimas temporadas

Cido Vieira
Jornalista graduado no Centro Universitário Uninter. Trabalho no Torcedores.com desde 2017, desempenhando a função de redator. Sou setorista do futebol pernambucano em rádios locais e um verdadeiro apaixonado pelo esporte bretão.
Cleber Machado, narrador e jornalista

Cleber Machado durante apresentação do "Arena SBT" (Reprodução - SBT)

O Palmeiras é para Cleber Machado o time mais complicado de ser superado no Brasil. Durante o programa “Arena SBT” desta segunda-feira (01), ele foi enfático ao descartar o Flamengo de Tite neste posto, e cravou o time de Abel Ferreira como a “pedra no sapato” dos adversários, dada a regularidade ostentada desde a chegada do treinador.

PUBLICIDADE

“Eu acho que o Palmeiras hoje é o dia mais difícil de ser batido. É mais difícil ganhar do Palmeiras do que do Flamengo”, disparou Cleber Machado, sendo contestado por Mauro Beting.

“Eu não acho. O Flamengo nem gol está tomando”, disparou o comentarista, sendo respondido pelo narrador.

PUBLICIDADE

“Precisa ver contra quem o Palmeiras está jogando e contra quem o Fla está jogando. É um time difícil de ganhar. Talvez, o Flamengo ganhe jogo de uma maneira menos dura do que o Palmeiras. Difícil em tese, agora você não vai ganhar todos os campeonatos”, complementou Cleber Machado.

Exaltado pelo narrador, o Palmeiras acumula em 2024 apenas uma derrota em 15 jogos disputados, justamente o revés frente ao Peixe no jogo de ida da final do Paulistão. São 26 gols marcados e 11 sofridos neste recorte.

O Flamengo, por sua vez, aparece com dez vitórias e quatro empates em 2024. A solidez defensiva chama atenção até o momento: apenas um gol sofrido, tento este ocorrido quando o time foi representado pelos jovens da base, em meio à pré-temporada do grupo principal nos EUA.

Cleber Machado vê erro em calendário

Ao comentar o fato de Abel Ferreira questionar o cronograma de jogos apertados entre os dois jogos decisivos contra o Santos, Cleber Machado deu razão ao comandante português, e classificou como um equívoco a realização de jogos de competições copeiras (Libertadores e Sul-Americana) em meio às decisões dos estaduais no futebol brasileiro. O narrador opinou que a medida deveria ser repensada pela CBF e Conmebol.

PUBLICIDADE