Home Futebol Diego Souza declara torcida por dois times do futebol brasileiro

Diego Souza declara torcida por dois times do futebol brasileiro

Ex-jogador manifestou torcida pada dupla que possui jogos decisivos por seus respectivos certames estaduais neste final de semana

Cido Vieira
Cido Vieira é um jornalista graduado no Centro Universitário Uninter que trabalha como redator no Torcedores.com desde 2017, com cobertura focada em futebol brasileiro e mídia esportiva. Acumula dentro de sua trajetória na profissão experiência na área radiofônica, sendo setorista de clubes pernambucanos, cobrindo Brasileirão e Copa do Nordeste.
Diego Souza, ex-jogador

Diego Souza em entrevista ao programa "Boleiragem" (Reprodução - SporTV)

Nome exponencial do futebol brasileiro, o ex-atacante Diego Souza, que se aposentou dos gramados recentemente, agora está no “modo torcedor”. Em post feito nos stories do Instagram, o artilheiro mandou o recado: estará na torcida por Grêmio e Sport, que disputam finalíssimas neste sábado (06), contra Juventude e Náutico.

PUBLICIDADE

Alfinetando o Timbu, arquirrival do rubro-negro, e “vítima” histórica do Tricolor dos Pampas, Diego Souza manifestou torcida por seus dois últimos clubes. Antes de encerrar a carreira pelo Sport, o atleta passou pela segunda vez no Imortal, acumulando bons números.

“Hoje o maior do Nordeste e o maior do sul terão grandes batalhas pela frente! O mais engraçado é que um desses rivais quando se fala em batalha a lembrança não é boa! Vamos Grêmio. Vamos Leão”, disse Diego Souza, agitando os torcedores nas redes sociais.

PUBLICIDADE

O que os times de Diego Souza precisam

Da dupla que o Diego Souza estará na torcida, o Sport é que tem a vida mais tranquila. Vitorioso no Eládio de Barros Carvalho, o popular Aflitos, o rubro-negro pode até perder por um tento de frente na Arena de Pernambuco, que mesmo assim fica com mais um título do Pernambucano. Ao Timbu, cabe devolver o mesmo placar para forçar as penalidades ou triunfar de três tentos de frente.

Já o Grêmio tem um cenário mais equilibrado. Tendo empatado o jogo da ida sem gols, o Imortal fica com o título em caso de vitória. Caso haja nova igualdade, a disputa sairá nas penalidades. A finalíssima vale o sete título seguido do time na competição, o 43º se consolidado. O time jaconeiro, por sua vez, busca o segundo troféu na competição. A única conquista se deu em 1998, quando bateu o rival Caxias.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial