Home Futebol Mauro Cezar surpreende ao indicar técnico superestimado no futebol brasileiro: “Boa vontade”

Mauro Cezar surpreende ao indicar técnico superestimado no futebol brasileiro: “Boa vontade”

Jornalista citou que títulos conquistados não apagam desempenho abaixo do esperado em campo

Bruno Romão
26 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: [email protected]
Mauro Cezar.

Mauro Cezar, jornalista da Jovem Pan (Reprodução)

Bicampeão da Copa do Brasil e campeão da Libertadores, Dorival Júnior, atual comandante da seleção, subiu de patamar no futebol brasileiro. Apesar das conquistas, Mauro Cezar Pereira considera que o técnico possui o status de superestimado. Isso porque os trabalhos à frente de Flamengo e São Paulo tiveram falhas “esquecidas” pelos títulos em torneios de mata-mata.

PUBLICIDADE

“Entre muitos são-paulinos, a visão é que o Carpini chegou, o time era uma coisa e virou outra… o time do Dorival tinha uma porção de problemas. Foi campeão de uma Copa do Brasil.”, disse Mauro Cezar, no Bate-Pronto, da Jovem Pan.

“O Dorival é um técnico muito superestimado pelas passagens no Flamengo e São Paulo. Há uma boa vontade, e olha que eu gosto dele, acho um cara bem bacana. Só há um olhar para a parte boa. Tanto no Flamengo como no São Paulo […] Como ele saiu para a seleção, fica essa ilusão coletiva.”, acrescentou.

PUBLICIDADE

No caso do São Paulo, Mauro Cezar afirmou que o técnico esteve longe de formar um time imbatível. Embora o objetivo na Copa do Brasil tenha sido alcançado, o péssimo desempenho fora de casa no Brasileirão 2023 foi citado pelo jornalista.

“O time do Dorival ganhou um jogo fora de casa no Brasileiro, tomou goleada do Palmeiras de 5 a 0 e teve várias atuações ruins demais, especialmente fora de casa […] O São Paulo do Dorival não era essa máquina, ganhou uma Copa do Brasil.”

“Quem ganha um torneio de mata-mata não é necessariamente um time tão consistente. São jogos muito específicos. Se olhar toda temporada do São Paulo, o trabalho do Dorival não foi brilhante.”

Trabalho de Dorival Júnior no Flamengo

Antes de chegar ao São Paulo, Dorival Júnior aceitou a tarefa de salvar o ano de 2022 do Flamengo. Mesmo que a missão tenha sido cumprida, Mauro Cezar fez questão de lembrar o desgaste evidente na reta final do trabalho.

PUBLICIDADE

“O time estava jogando muito mal na final da passagem do Flamengo, se arrastando. Foi campeão jogando muito mal e perdendo para times rebaixados.”, recordou.