Home Futebol Torcedores do Paysandu elegem culpado e cobram saída: “Já deu pra ele” 

Torcedores do Paysandu elegem culpado e cobram saída: “Já deu pra ele” 

Papão da Curuzu foi derrotado pelo Mirassol por 2 a 1, em jogo válido por mais uma rodada do Brasileirão Série B 2024 

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 29 anos. Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017). Repórter no site Torcedores.com desde 2018.
Torcida do Paysandu

Nova derrota Paysandu irritou a torcida (foto: Jorge Luís Totti/PSC)

O Paysandu perdeu, neste domingo (12), para o Mirassol por 2 a 1, no estádio José Maria de Campos Maia, em São Paulo. Minutos após o fim do jogo, torcedores invadiram o perfil oficial do clube alviceleste, nas redes sociais. 

PUBLICIDADE

Eles desabafaram analisaram que o placar tem um responsável: Hélio dos Anjos. Internautas cobraram a saída do profissional. “Fora” e “já deu para ele” foram alguns dos comentários. 

Resumo do jogo 

O Paysandu escapou de uma goleada no primeiro tempo. Fernandinho abriu o placar aos 11 minutos e Dellatorre dobrou a vantagem cinco minutos mais tarde.  

PUBLICIDADE

Antes de construir a vantagem, o Mirassol já balançado as redes com Negueba, mas o lance foi anulado após revisão no VAR. Além disso, Fernandinho finalizou no travessão aos 21. 

A arbitragem suspendeu o jogo e concedeu parada técnica. Após reunião entre jogadores e comissões técnicas, o Paysandu equilibrou o jogo, mas só diminuiu na etapa final. 

Esli García substituiu Jean Dias no intervalo e finalizou sem chances para o goleiro Alex Muralha, aos 14 minutos. O venezuelano deixou Juninho na cara do gol, aos 34, mas o chute foi para fora. 

Ficha técnica – Mirassol x Paysandu

Data: 12 de maio de 2024 

PUBLICIDADE

Local: estádio José Maria de Campos Maia (São Paulo) 

Motivo: Brasileirão Série B (rodada 4) 

Horário: 16h (horário de Brasília) 

Mirassol: Alex Muralha; Lucas Ramon, João Victor, Luiz Otávio e Warley (Artur); Neto Moura (Chico Kim), Danielzinho e Gabriel; Negueba (Diego Gonçalves), Fernandinho (Alex Silva) e Dellatorre (Quirino) – treinador: Mozart 

PUBLICIDADE

Paysandu: Matheus Nogueira; Edílson, Wanderson, Lucas Maia e Bryan Borges (Kevyn); João Vieira, Leandro Vilela (Juninho) e Biel (Crystopher); Edinho (Gabriel Santos), Jean Dias (Esli García) e Nicolas – treinador: Hélio dos Anjos 

Veja a repercussão a seguir: