Home Futebol Vampeta cobra sequência para jogador “milionário” do Flamengo 

Vampeta cobra sequência para jogador “milionário” do Flamengo 

Comentarista valorizou estilo controlador de atleta que busca se firmar no time carioca

Bruno Romão
26 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: [email protected]
Flamengo.

Flamengo, em jogo no Maracanã (Paula Reis / Flamengo)

Comprado por cerca de R$ 43 milhões, Allan teve um início complicado no Flamengo. Após superar lesões e um período de ostracismo, o camisa 21 vem ganhando espaço entre os titulares, já que Pulgar não se encontra à disposição. Neste cenário, Vampeta, que possui ampla experiência na posição, acredita que o volante tem margem para crescer no Rubro-Negro.

PUBLICIDADE

“Foi contratado caro e precisa fazer uma sequência boa de jogos. O Allan se machucou… parece que veio barato do Atlético-MG e que é um jogador qualquer. Parece um jogador qualquer dentro do plantel porque o Flamengo tem tantos jogadores bons que, quando ele está fora, parece que não faz falta. Mas ele foi caro, velho! Precisa de sequência. Controla o jogo bem.”, disse o Velho Vamp, no Bate-Pronto, da Jovem Pan.

Na sequência, Vampeta avisou que os torcedores do Flamengo não podem esperar gols de Allan. Sem a característica de atuar na função de elemento surpresa, o ex-jogador do Atlético-MG tem a responsabilidade de proteger a zaga e potencializar o apoio ofensivo de De La Cruz.

PUBLICIDADE

“Acham que ele vai entrar na área para fazer gol… ele controla o meio-campo.”, completou.

Reforçando o discurso de Vampeta, Mauro Cezar valorizou o desempenho de Allan contra o Corinthians. Como os torcedores do Flamengo descreveram o volante como “bagre”, a postura foi totalmente reprovada pelo jornalista.

“Ele é bom jogador, jogou muito bem sábado (contra o Corinthians). Tem passes para frente. Tem muito torcedor que reclama porque só vê jogos do time dele. O cara não lembra como o Allan jogou no Atlético-MG. Chegou, se machucou, fez partidas ruins e foi reserva: ‘É bagre’. O Allan e o De La Cruz se entenderam bem.”, afirmou.

Mauro Cezar “corneta” Pulgar

Embora Pulgar ainda seja considerado o titular, Mauro Cezar enxerga que Allan é mais confiável em relação ao chileno. Isso porque o atual dono da posição, na visão do comunicador, é um atleta que exagera no acúmulo de cartões amarelos.

PUBLICIDADE

“Ele é muito mais confiável, do ponto de vista físico, do que o Pulgar, que se machuca toda hora. Vive machucado. Como toma cartão aquela criança! Impressionante como gosta de um cartão amarelo.”, sinalizou.