Home Futebol ESPN Argentina aponta os times brasileiros mais temidos na Libertadores

ESPN Argentina aponta os times brasileiros mais temidos na Libertadores

Hermanos avaliam confrontos das oitavas de final do torneio continental e caminhos até a grande decisão

Eder Bahúte
Eder Bahúte integra o time do Torcedores.com desde 2016. Na cobertura esportiva, atua como redator e tem como foco principal o futebol brasileiro, internacional e mídia esportiva. Diplomado pela Universidade Paulista, o profissional acumula experiência em radiojornalismo e mídia impressa, além de participação em eventos da Copa do Mundo e Paulistão.
ESPN

Jornalistas argentinos repercutem sorteio da Libertadores - Reprodução/YouTube

A Conmebol definiu nesta semana os jogos das oitavas de final e o chaveamento até a decisão da Libertadores 2024. A ESPN Argentina lamentou o confronto entre River Plate e Talleres, uma vez que logo de cara ao menos uma equipe local estará fora das quartas. Além disso, houve um profundo debate acerca dos rivais brasileiros que dominaram a competição nestes últimos cinco anos.

PUBLICIDADE

Apesar do poderio ofensivo indiscutível do Atlético-MG, houve um certo otimismo de que o San Lorenzo pode sim surpreender o Galo. A avaliação é que o Ciclón fez bonito na fase de grupos deixando Independiente del Valle de fora e invicto nos dois embates contra o Palmeiras.

“Alguém acredita que San Lorenzo está morto? Não. Passou em segundo e fez um grande jogo contra Palmeiras”.

PUBLICIDADE

Por outro lado, reconhecem todos que o caminho não é dos mais simples, isso porque se avançar diante dos mineiros, a equipe argentina pode ter Grêmio ou Fluminense como seu oponente na fase seguinte. O apresentador Pollo Vignolo e seus comentaristas consideram muito forte a equipe de Fernando Diniz.

“Vamos ser sinceros, San Lorenzo tem um caminho…se passa por mineiro pode ter Fluminense, se avança tem Talleres ou River Plate”. “Fluminense é um rival muito pesado”.

No outro lado da chave, dois confrontos chamam a atenção dos jornalistas argentinos. “Nacional x São Paulo…gigantes. Gigantes. Botafogo x Palmeiras um partidaço. Tremenda partida”, reagem.

Ainda hoje, o Grêmio enfrenta o Estudiantes e em caso de vitória terminaria como líder do grupo. Desta forma, seria o adversário do Fluminense. Vignolo ‘torce’ para que o Tricolor não fique no lado da chave onde estão River, Talleres e San Lorenzo.

PUBLICIDADE

“Para as equipes argentinas seria bom que Grêmio não caia por aqui”, disse.

Oscar Alfredo Ruggeri, um dos grandes nomes do futebol local não gostou do chaveamento. “Porque estão todos os argentinos aqui [lado A da chave] e podendo sair duas boas equipes”.

“Se prestar a atenção na chave B, são grandes as chances de uma equipe brasileira na final. O poderio brasileiro…”, afirmou um comentarista hermano.

Torcedores argentinos elegem times brasileiros mais fortes na Libertadores

O canal argentino Los Displicentes, no YouTube, esteve atento ao sorteio das oitavas de final da Libertadores. Para os torcedores do River Plate, a primeira preocupação envolvia não ser o adversário de Flamengo ou Botafogo. Ao mesmo tempo, ‘hinchas’ de Boca Juniors torciam pelos cariocas no caminho dos Millonarios.

PUBLICIDADE

Contudo, o River caiu na outra chave e terá o Talleres, de Córdoba como seu oponente no primeiro mata-mata da Libertadores. Dono da melhor campanha na primeira fase, a equipe de Martín Demichelis decide a série no Monumental de Nuñez.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial