Home Futebol Marcos não perdoa e aponta “solução” para fim da crise no Corinthians

Marcos não perdoa e aponta “solução” para fim da crise no Corinthians

Ídolo do Palmeiras ironizou situação complicada nos bastidores da equipe alvinegra

Bruno Romão
Bruno Romão atua, como redator do Torcedores.com, na cobertura esportiva desde 2016. Com enfoque em futebol brasileiro, futebol internacional e mídia esportiva, acumula experiência em eventos como Copa do Mundo e Olimpíadas. Possui diploma de bacharelado em Jornalismo pela Universidade Estadual da Paraíba.
Marcos

Marcos, ídolo do Palmeiras (Reprodução)

Irreverente nas redes sociais, Marcos não deixou de ironizar o atual momento caótico do Corinthians. Em postagem no Instagram, o ex-goleiro, com um sorriso debochado, quis saber “como andam as coisas no rival”. Levando em conta que a postragem logo trouxe uma série de comentários, uma “solução” foi sugerida pelo pentacampeão do mundo.

PUBLICIDADE

Citando uma série de religiões, Marcos apontou que é necessário “dar uma geral” no Corinthians. Além da posição no Z-4 do Campeonato Brasileiro, o Timão, lidando com uma série de dívidas, está perto de perder Carlos Miguel e se encontra sem patrocinador máster.

“Tem que fazer um culto ecumênico por lá, chamar pastor, pai de santo, padre, rabino, dar uma geral no Parque São Jorge.”, escreveu Marcos.

PUBLICIDADE

Em outro comentário, Marcos, de uma forma mais séria, considera que os torcedores precisam demonstrar apoio ao Corinthians. Porém, de forma bem-humorada, o ídolo do Palmeiras externou que não tem pressa de ver o rival entrar nos eixos.

“Corintiano é corintiano em qualquer situação, diferente de alguns clubes que só amam quando tá ganhando!!!”, afirmou um torcedor.

“Tá certo, hora da torcida jogar junto e ajudar arrumar a casa, fase ruim todos têm! OBS: precisa ter pressa não, hein? Vai de boa!”, respondeu Marcos.

Cicinho também não perdoa o Corinthians

Seguindo a mesma linha de Marcos, Cicinho alfinetou o Corinthians. Comparando o presidente do clube, Augusto Melo, ao personagem Paulinho Gogó, a publicação do ex-lateral ainda trouxe o bordão “quem não tem dinheiro conta história”.

“Aí tem gogó, hein.”, debochou Cicinho.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial