Home Futebol Milton Neves avalia polêmica entre Leila Pereira e Dudu: “Palmeiras não é bagunça”

Milton Neves avalia polêmica entre Leila Pereira e Dudu: “Palmeiras não é bagunça”

Jornalista coloca a presidente do Verdão como referência no futebol brasileiro: “Nadando de braçada”

Paulo Foles
Paulo Foles atua como redator do Torcedores.com desde 2018. Neste período, cobriu grandes eventos esportivos, incluindo a Copa do Mundo e Olimpíadas. Com passagem em "Futebol na Veia", "Esporte News Mundo", "The Playoffs" e outros, tem como foco o futebol brasileiro e internacional, além de experiências com NBA e NFL.
Dudu e Leila Pereira

Dudu e Leila Pereira, do Palmeiras. Foto: Cesar Greco/Palmeiras

Dudu e Leila Pereira esquentaram a polêmica ‘novela’ que tomou conta do futebol brasileiro nos últimos dias. Milton Neves, em seu blog no Uol, elogiou a postura da presidente do Palmeiras, que se manifestou de forma firme sobre o caso e esclareceu sua posição diante do jogador de 32 anos.

PUBLICIDADE

“A postura dela no ‘caso Dudu’ me deixou positivamente impressionado. Mesmo em um episódio envolvendo o maior ídolo recente do clube, ela não se dobrou e, de quebra, passou uma mensagem clara para todo jogador que vista a camisa palestrina daqui para frente. A mensagem de que o Palmeiras não é bagunça”, analisou Milton Neves.

O atacante, que está voltando de lesão após um longo tempo, negociou sua transferência para o Cruzeiro, mas voltou atrás e decidiu ficar no Verdão. Neste cenário, Leila não deixou de se pronunciar e chegou a decretar o fim de ciclo do atleta no clube paulista.

PUBLICIDADE

“Tudo na vida tem um ciclo que se inicia e um que se encerra. Você tem que iniciar de uma forma bonita e encerrar de uma forma linda. Imagino que é o que vai acontecer com ele. Tivemos momentos lindos e acredito que chegou ao fim o ciclo”, disparou ela.

No entanto, Dudu publicou uma nota horas depois e explicou sua decisão: “Ainda não é a hora de sair e de encerrar o meu ciclo no Palmeiras. Sinto que posso seguir construindo a minha história aqui. Foram dias muito tristes e difíceis”, escreveu ele.

A proposta do Cruzeiro era de quatro anos de contrato e um valor superior ao que ele ganha no Verdão em salário. O atacante permanece no clube da Barra Funda e já está disponível para o treinador Abel Ferreira.

Milton Neves destaca período vencedor do Palmeiras

PUBLICIDADE

“Isso tudo deixa bem claro o motivo de o Verdão estar empilhando títulos nos últimos anos. No futebol a bola não entra por acaso, e enquanto os rivais não seguirem o profissionalismo de Leila, o Verdão seguirá nadando de braçada”, cravou o jornalista.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial