Home Futebol Milton Neves manda recado aos torcedores do Corinthians: “Apenas começo do sofrimento”

Milton Neves manda recado aos torcedores do Corinthians: “Apenas começo do sofrimento”

Apresentador disse ainda que “nem o mais fanático dos palmeirenses” imaginaria o atual cenário do rival alvinegro

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
Augusto Melo, Corinthians

Augusto Melo em entrevista a programa da Band (Reprodução)

Milton Neves utilizou sua coluna do UOL Esporte para fazer um alerta aos torcedores do Corinthians, que vive uma de suas maiores crises, passando por Carlos Miguel, rescisão com patrocinador, e debandada de diretores.

PUBLICIDADE

Para o apresentador, os cartolas do Corinthians conseguiram “quebrar de forma nunca vista antes” o clube.

“Pelo visto, a farra que está para acabar, de fato, é a de irresponsáveis cartolas que conseguiram quebrar de forma nunca vista antes um clube de potencial econômico invejável. E agora, quem vai querer associar a sua marca com um clube que está em frangalhos e envolvido em tantos escândalos?”, questionou Milton Neves, que seguiu:

PUBLICIDADE

“Ora, é óbvio que absolutamente nenhuma! Por isso, corintianos, preparem-se, porque este parece ser apenas o começo de um sofrimento que levará muito tempo para passar.”

Milton Neves disse que o Corinthians pode estar “perto de acabar”

A rescisão da Vai de Bet, então maior patrocinadora do Brasil, que tinha acordo para pagar R$ 360 milhões ao Corinthians em três anos, aumentou ainda mais a atual crise do clube alvinegro.

Para Milton Neves, nem mesmo o “mais fanático dos palmeirenses” imaginaria o que tem acontecido com o Timão.

“A Vai de Bet, patrocínio que o Alvinegro passou meses se gabando por aí, acaba de rescindir seu contrato com o clube do Parque São Jorge. De verdade, nem mesmo o mais fanático dos palmeirenses poderia imaginar um cenário tão complicado para o Timão. Como já escrevi por aqui, a sensação é até de que o Corinthians está bem perto de acabar!”

PUBLICIDADE

Para piorar a situação, o Movimento Corinthians Grande, então representado pelo diretor financeiro, Rozallah Santoro, e o diretor-adjunto de futebol, Fernando Alba, resolveu deixar o grupo de Augusto Melo. Com isso, os dois dirigentes abandonaram seus cargos.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial