Home Futebol Praetzel critica Duílio, do Corinthians, sobre multa de Donelli e Carlos Miguel

Praetzel critica Duílio, do Corinthians, sobre multa de Donelli e Carlos Miguel

Após renovação de Matheus Donelli, comentarista esportivo criticou gestão anterior sobre situação

Beatriz Ojeda
Ex-atleta, formada em Letras e apaixonada por esportes desde sempre. Trabalho como redatora desde 2018, fazendo cobertura de mídia esportiva, futebol, tênis e esportes americanos. Sou colaboradora do Torcedores por ser o melhor lugar para aliar as duas grandes paixões.
Duílio Monteiro Alves

Duílio Monteiro Alves no CT do Corinthians (Créditos: Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians)

O Corinthians hoje vive uma das suas maiores crises em todos os tempos. Com problemas extracampo e também baixo desempenho no Brasileirão Série A, o Timão lida com a incerteza sobre quem ocupará o cargo como goleiro titular após a janela de transferências. O arqueiro Carlos Miguel já apontou que gostaria de deixar o clube e a diretoria correu nos bastidores para estender o vínculo de Matheus Donelli, questão que foi objeto de análise para o jornalista Alexandre Praetzel.

PUBLICIDADE

Durante participação no programa Primeiro Tempo da Band, o comentarista esportivo abriu o jogo sobre a confusão entre os goleiros do clube. Praetzel enfatizou que a polêmica é apenas mais uma evidência da má gestão de Duílio Monteiro. O ex-presidente do Corinthians abaixou a multa do atual goleiro para 4 milhões de euros, possibilitando uma negociação simples como exterior.

Na opinião de Maurício Barros, esse tipo de atitude de acertar uma renovação com os goleiros deveria ter sido tomada por Augusto Melo no momento da saída de Cássio. Entretanto, Praetzel relembrou durante a análise que, Matheus Donelli foi assinado com multa superior a 100 milhões de euros, cifra que supera o pedido do PSG por Donnaruma.

PUBLICIDADE

Porém, a atitude tem uma justificativa, na opinião do comentarista Praetzel que completou: “É proteção para não acontecer essa bizarrice que foi a multa de Carlos Miguel. O Duílio Monteiro Alves, que baixou a multa do Carlos Miguel de 50 para 4, ele tem que ser banido do Corinthians. Banido”.

Segundo Praetzel, mesmo com a família de Duílio Monteiro Alves tendo experiência com gestão no clube, a situação envolvendo a multa rescisória de Carlos Miguel foi classificada como “papagaiada”. Por último, Maurício Barros classificou o ex-mandatário como um dos piores presidentes da história do Corinthians, pois os erros do predecessor de Augusto Melo lesam o Timão até agora, deixando a equipe com um grave problema de arqueiros, entre outros escândalos.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial