Home Futebol Zé Elias elege jogador com habilidade única no futebol brasileiro: “Quebra linhas”

Zé Elias elege jogador com habilidade única no futebol brasileiro: “Quebra linhas”

Comentarista sinalizou dificuldade em neutralizar atleta diferenciado em atividade na Série A

Bruno Romão
Bruno Romão atua, como redator do Torcedores.com, na cobertura esportiva desde 2016. Com enfoque em futebol brasileiro, futebol internacional e mídia esportiva, acumula experiência em eventos como Copa do Mundo e Olimpíadas. Possui diploma de bacharelado em Jornalismo pela Universidade Estadual da Paraíba.
Zé Elias.

Zé Elias, comentarista da ESPN (Reprodução)

Zé Elias elogiou o desempenho de Lucas Moura no clássico entre Corinthians x São Paulo. Responsável por abrir o placar, o camisa do Tricolor ficou perto de anotar um golaço após uma sequência de dribles. Diante da capacidade do meia-atacante em quebrar linhas na defesa atuando fora das pontas, o ex-jogador vê uma habilidade única dentro do futebol nacional.

PUBLICIDADE

“Jogar contra o São Paulo com o Lucas entrando por dentro em velocidade, é muito difícil ajustar (a marcação). O Lucas é o único jogador do futebol brasileiro que tem essa característica de pegar na bola e quebrar linhas de marcação por dentro.”, disse Zé Elias, no Sportscenter, da ESPN.

Ficando em vantagem duas vezes no placar, o São Paulo não alcançou mais uma vitória na casa do Corinthians. Levando em conta o domínio no início da partida, Zé Elias acredita que o duelo poderia ter sido resolvido logo nos primeiros 15 minutos.

PUBLICIDADE

“Todos nós estávamos um São Paulo mais forte. Eu até brinquei que o São Paulo fez um gol e falou ‘tá bom’. O São Paulo recuou e o Corinthians ainda estava com dificuldades.”

“O São Paulo poderia ter aproveitado um pouco mais os primeiros 15 minutos. O Corinthians se ajeitou e entrou no jogo.”, analisou.

Zé Elias vê conservadorismo de Zubeldía no SPFC

Embora Zubeldía esteja invicto à frente do São Paulo, Zé Elias apontou uma falta de ousadia do técnico. Isso porque a fragilidade defensiva nas laterais do Corinthians, na visão do comentarista, poderia ter sido melhor explorada com Ferreirinha e Wellington Rato entre os titulares.

“Ele poderia ter entrado com um time diferente. O Luciano não jogou bem contra o Inter. Coloca o Lucas por dentro e o Ferreirinha pelo lado. Se tem o Matheuzinho, tem que colocar velocidade pelo lado dele. Pelo lado esquerdo tem o Hugo, coloca o Wellington Rato. O Zubeldía poderia ter arriscado um pouco mais. A impressão que dá é que ele abriu mão de buscar a vitória.”, afirmou.

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial