Home Futebol Almada, reforço do Botafogo, elege melhor argentino que já jogou no futebol brasileiro

Almada, reforço do Botafogo, elege melhor argentino que já jogou no futebol brasileiro

Em apresentação no Glorioso, a contratação mais cara não teve dúvida sobre quem é o melhor ‘hermano’ que atuou no Brasil

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
Almada, Botafogo

Thiago Almada em sua coletiva de apresentação no Botafogo (Divulgação / Botafogo)

O meia Thiago Almada, novo atleta do Botafogo e reforço mais caro da história do futebol brasileiro, elegeu o ex-atacante Carlitos Tévez como o melhor argentino a ter atuado no futebol brasileiro.

PUBLICIDADE

Tévez é ídolo do Corinthians, onde ficou entre 2005 e 2006, e foi campeão brasileiro, sendo o escolhido o craque da competição em sua primeira temporada no clube alvinegro.

Almada respondeu a questionamentos em vídeo publicado no perfil da Parimatch, patrocinadora do Botafogo, e teve à disposição vários nomes. Veja os duelos colocados à disposição de Almada até a escolha de Tévez:

PUBLICIDADE

Montillo ou D’Alessandro: D’Alessandro

Hernán Barcos ou D’Alessandro: D’Alessandro

D’Alessandro ou Lucho González: D’Alessandro

Jesús Dátolo ou D’Alessandro: D’Alessandro

PUBLICIDADE

Dario Conca ou D’Alessandro: D’Alessandro

Calleri ou D’Alessandro: D’Alessandro

D’Alessandro ou Germán Cano: D’Alessandro

D’Alessandro ou Juan Pablo Sorín: D’Alessandro

PUBLICIDADE

D’Alessandro ou Carlitos Tévez: Carlitos Tévez

Carlitos Tévez ou Thiago Almada: Carlitos Tévez

Almada ainda admitiu estar muito atrás do que Tévez possa ter feito na carreira: “Não, não (posso disputar) com Carlos Tévez, não, não, estou recém começando na carreira”.

Contratado pelo Botafogo, Almada tem origem semelhante a Tévez

O jogador, que chegou ao Glorioso por 22 milhões de euros (cerca de R$ 120 milhões) e vai vestir a camisa 23 no clube, tem passado similar a Carlitos Tévez. Segundo o Ge, ambos são do bairro Ciudadela, às margens de Buenos Aires. Os dois foram nascidos e criados na favela de Fuerte Apache, tendo até mesmo uma amizade recente.

PUBLICIDADE

O jogador de 23 anos, que vai disputar os Jogos Olímpicos de 2024 em Paris e que foi campeão mundial em 2022, no Catar, foi revelado pelo Vélez em 2019 e rapidamente se tornou um dos principais atletas em solo argentino.

Em 2022 recebeu uma série de propostas, mas surpreendeu ao fechar com o Atlanta United, para disputar a Major League Soccer (MLS), dos Estados Unidos, onde brilhou, tendo marcado 26 gols e distribuído 26 assistências em 83 jogos.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial