Home Futebol Galvão Bueno detona meio-campo de Premier League da seleção brasileira: “É uma vergonha”

Galvão Bueno detona meio-campo de Premier League da seleção brasileira: “É uma vergonha”

Narrador fez questão de lembrar que Colômbia e Uruguai contam com meio-campistas que atuam no futebol brasileiro

Danielle Barbosa
Jornalista. Escrevendo para o Torcedores desde 2014.
Jogadores de meio-campo da seleção brasileira foram criticados por Galvão Bueno.

Reprodução/Canal GB

Galvão Bueno não perdeu a oportunidade de comentar sobre o desempenho do meio-campo da seleção brasileira na Copa América. Após a eliminação para o Uruguai nas quartas de final, o narrador questionou a convocação de atletas que atuam na Premier League.

PUBLICIDADE

Nas redes sociais, Galvão Bueno afirmou ser uma ‘vergonha’ o Brasil ter um meio-campo formado por jogadores de times de médio pra pequeno da Europa. O narrador citou que Colômbia e Uruguai contam com atletas que atuam no futebol brasileiro, como Richard Ríos, Arrascaeta e De La Cruz.

“O João Gomes joga no Wolverhampton, o Bruno Guimarães joga no Newcastle, o Paquetá joga no West Ham e o Andreas Pereira joga no Fulham. O Douglas Luiz também jogava num time de médio pra baixo (Aston Villa) e agora foi pra Juventus”, começou Galvão.

PUBLICIDADE
Jogadores de meio-campo da seleção brasileira foram criticados por Galvão Bueno.
Andreas Pereira, Douglas Luiz, Bruno Guimarães, João Gomes e Lucas Paquetá (Foto: Divulgação/CBF)

“Todos os jogadores de meio-campo do Brasil jogam em times de médio pra pequeno. Isso é uma vergonha pra história da seleção brasileira. ‘Ah, mas é da Premier League’, mas são times pequenos. A Colômbia tem três jogadores de meio-campo que jogam no futebol brasileiro. Um joga no São Paulo (James Rodríguez), outro no Palmeiras (Richard Ríos) e o outro no Fluminense (John Arias). No Uruguai um joga no Real Madrid (Valverde), outro no PSG (Ugarte) e dois jogam no Flamengo (Arrascaeta e De La Cruz). É diferente”, acrescentou.

Polêmica com Andreas Pereira

A crítica de Galvão Bueno sobre o meio-campo da seleção brasileira pode estar diretamente ligada as declarações de Andreas Pereira às vésperas do confronto contra o Uruguai. Em entrevista coletiva, o meia do Fulham citou o fato de todos os atletas atuarem na liga inglesa.

“Nosso meio-campo é muito bom, todos os jogadores jogam na Premier League. É qualificado. Se a gente pegar nome por nome, a gente tem uma seleção que eles sonhariam ter no Uruguai”, disse Andreas. 

Após a classificação do Uruguai para a semifinal, Luis Suárez repercutiu a fala de Andreas Pereira. O ex-atacante do Grêmio demonstrou incômodo com as declarações e pediu respeito.

PUBLICIDADE

“Para falar do Uruguai é preciso ter um pouco mais de respeito, saber a história que tem o Uruguai. Antes de dizer que tem jogadores que gostariam de estar na seleção do Brasil… Quem fez esse comentário era reserva do Arrascaeta no futebol brasileiro, então imagina o que é para nós ouvirmos isso”, disparou Suárez,  se referindo aos tempos em que Andreas jogava no Flamengo.

O próprio Andreas Pereira se manifestou após a partida e admitiu surpresa com a repercussão. O meio-campista brasileiro negou falta de respeito ao Uruguai. “Eu fiquei surpreso, porque em momento algum eu faltei de respeito com o Uruguai, simplesmente disse que eu preferia e acho que nossos jogadores são melhores, então se eles usaram isso a favor deles, eles podem fazer o que quiser, mas eu em momento algum faltei respeito ao Uruguai.”

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial