Home Futebol Rodrigo Bueno ignora Grêmio e elege Palmeiras o “imortal” no Brasil: “Renasce das cinzas”

Rodrigo Bueno ignora Grêmio e elege Palmeiras o “imortal” no Brasil: “Renasce das cinzas”

Comentarista da ESPN fica impressionado com o poder de reação mesmo em situações bem adversas

Eder Bahúte
Eder Bahúte integra o time do Torcedores.com desde 2016. Na cobertura esportiva, atua como redator e tem como foco principal o futebol brasileiro, internacional e mídia esportiva. Diplomado pela Universidade Paulista, o profissional acumula experiência em radiojornalismo e mídia impressa, além de participação em eventos da Copa do Mundo e Paulistão.
Rodrigo Bueno

Rodrigo Bueno é comentarista da ESPN - Reprodução/YouTube

O Palmeiras deixou o Grêmio para trás e é o mais novo imortal do futebol brasileiro. É desta forma que enxerga o jornalista Rodrigo Bueno. Depois de estar perdendo por 2 a 0, fora de casa e cheio de desfalques, o time comandado por Abel Ferreira mostrou mais uma vez um poder de reação absurdo e em dois minutos chegou ao empate.

PUBLICIDADE

Insatisfeito com o resultado, o Alviverde se lançou ao ataque e por pouco não coneguiu a virada. No ESPN F90, o comentarista, impressionado com a força mental que possui o elenco palmeirense, classificou como o time difícil de ser batido no Brasil.

“O Grêmio é conhecido como imortal, o imortal tricolor. Não tem time no Brasil mais imortal que o Palmeiras. Não tem time no Brasil hoje mais que o Palmeiras. O imortal no futebol brasileiro hoje é a Sociedade Esportiva Palmeiras”, garantiu Rodrigo Bueno.

PUBLICIDADE

“Não dá pra você cantar vitória contra o Palmeiras. Você pode fazer 2 a 0, 3 a 0 no Palmeiras, ele parece que está morto ali…hoje não passa e ele consegue renascer das cinzas tal qual fosse uma fenix. Então, é um time muito difícil de ser batido”, acrescentou.

Com gols de Flaco López e Estêvão, o Palmeiras foi buscar um resultado que estava completamente adverso. Além do gramado, o time de Abel Ferreira precisou superar os desfalques de Zé Rafael e Raphael Veiga.

“Estamos de parabéns, com todos os desfalques. A equipe continua a mostrar o coração de leão. O coração está lá sempre. Lutamos pela virada, não deu, mas somamos mais um ponto.

PUBLICIDADE

Elogiado, Palmeiras se mantém forte em meio a inúmeras baixas

No empate em 2 a 2 com o Grêmio, o Palmeiras teve quase um time de desfalques. São atletas convocados por suas seleções, questões físicas e suspensões: Gómez, Ríos e Endrick (na Copa América); Bruno Rodrigues, Rômulo, Lázaro e Murilo (por lesão); e Veiga, Zé Rafael e Gabriel Menino (suspensos).

Mesmo assim, o Verdão não perdeu sua competitividade e segue entre os primeiros colocados no Campeonato Brasileiro.

“Para vocês verem o tamanho do que estamos a conseguir. Tiveram equipes que ganharam há pouco, olha o Fluminense onde está. Parece fácil o que fazemos, mas não é. É desgastante, mas vamos andar a continuar”, analisou Abel.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial