Home Futebol Vitória bate o Criciúma e deixa o Z-4 do Brasileirão Série A

Vitória bate o Criciúma e deixa o Z-4 do Brasileirão Série A

Leão Rubro-Negro conquistou as melhores oportunidades em seu campo de ataque; Tigre ainda busca uma vaga no G-6

Bruno Bravo Duarte
Bruno Bravo Duarte é um jornalista que atua como editor, redator e repórter há mais de dez anos. Formado em Comunicação Social com habilitação em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá em 2004, teve passagens por EQI Investimentos, Naspistas.com, Jornal Povo, Jornal do Rock e Niterói TV. Atualmente no Torcedores.com
Vitória x Criciúma

Rubro-Negro conquistou as melhores oportunidades em campo (Reprodução - Criciúma - Twitter - Celso da Luz)

O Vitória apostou no ataque para vencer o Criciúma por 2 a 1 neste domingo (07), quando as duas equipes se enfrentaram pelo Brasileirão Série A, no Barradão. Em campo, Alerrando e Lucas Esteves marcaram para o Leão e Matheusinho descontou para o Tigre.

PUBLICIDADE

O resultado auxiliou o Vitória em sua luta pela permanência na elite do futebol brasileiro. Neste momento, o Leão contabilizou 15 pontos, deixando a zona do rebaixamento do torneio. Do outro lado, o Criciúma é o décimo quarto com 16 pontos e dois jogos a menos, o que leva o Tigre a sonhar com uma vaga no G-6.

Vitória x Criciúma

Mais ofensivo e em busca da vitória, o Criciúma apresentou maior desenvoltura em seu campo de ataque. Bolasie, Arthur Caike, Barreto e Marcelo Hermes ameaçaram a defesa do Vitória, o que trouxe certa tensão para a torcida do Leão no Barradão.

PUBLICIDADE

O progresso do Tigre impulsionou o Vitória ainda nos 45 minutos iniciais. Resiliente, o Leão inaugurou o marcador com Alerrandro em uma cobrança de pênalti. A equipe de Salvador se beneficiou de uma falta Wallison Maia em Willian Oliveira.

Com a vantagem, o Vitória passou a administrar a posse de bola diante de sua torcida. Lucas Esteves ficou com a posse de bola para superar a marcação e ampliar no primeiro tempo.

A resposta do Criciúma foi articulada na sequência, aos 42 minutos da etapa. Bolasie cruzou para Matheusinho concretizar de cabeça.

O segundo tempo foi marcado por um maior domínio do Tigre em seu campo de ataque. Mais ofensivo, o Criciúma buscou meios para pressionar a defesa do Vitória nos 45 minutos finais. Arthur Caike esteve perto de igualar, mas acabou traído pelo travessão do Leão. Placar final, 2 a 1.

PUBLICIDADE

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial