Alex, Messi e mais: 5 grandes “garçons” do futebol

Quem lembra do principal “garçom” brasileiro?

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/ FC Barcelona

O dia 14 de fevereiro é muito marcante para a música brasileira, já que o grande “garçom” do Brasil completaria 77 anos. Reginaldo Rossi, compositor do hit, morreu em 2013, mas inspirou uma lista do Torcedores ligada ao futebol.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Veja abaixo 5 “garçons” que fizeram história:

Lionel Messi
O craque do Barcelona é um dos maiores artilheiros da história, mas poucos se atentam ao número de assistências do argentino. Em 2016, aos 28 anos, Messi se tornou o maior “garçom” da história do futebol espanhol. Até 2020 já foram 279 passes dados para gol, sendo o maior assistente em atividade no esporte.

Alex
Ídolo de Coritiba, Cruzeiro e Palmeiras, o já aposentado meia Alex ficou conhecido por seus gols, mas também por seus passes para gols. Um dos craques renegados em Copas do Mundo, o ex-camisa 10 deu nada menos que 356 assistências, segundo registros.

Xavi
Mais recuados que os dois citados acima, Xavi ainda assim foi um dos principais “garçons” do Barcelona comandado por Pep Guardiola. É o primeiro da lista a aparecer com mais assistências que gols em toda a carreira. O ex-jogador distribuiu nada menos que 212 passes para gol, unindo apenas jogos por Barcelona e Al-Sadd-QAT, seu último clube como atleta.

Juan Roman Riquelme
Outro craque argentino na lista e com números impressionante de assistências na carreira. O ex-camisa 10 do Boca Juniors tem mais passes para gols que necessariamente gols na vida como jogador e distribuiu impressionantes 255 assistências.

Mesut Ozil
O nome mais contestável da lista talvez seja o do alemão Mesut Ozil, meia do Arsenal. O jogador, porém, tem gabarito para aparecer, especialmente por ser um campeão do mundo e por ter números de passes para gols que impressionam. O atleta tem 31 anos, perdeu espaço em seu clube, mas já tem 253 passes para gol na carreira, sendo o segundo maior em atividade.

Todos os nomes da lista passaram das 200 assistências na carreira.

Leia mais:
Dedé usará período de licença para procurar novo clube e não deve mais jogar pelo Cruzeiro