Felpe Melo relembra “pedaladas” de Gabigol contra o Palmeiras: “Mostrou respeito”

Meio-campista do Verdão diz que atacante adversário foi inteligente no lance

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com

Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

O Flamengo derrotou o Palmeiras nas duas partidas entre as equipes na campanha do Brasileirão 2019, mas no duelo disputado no Maracanã um lance ficou marcado. O atacante Gabigol encarou o meio-campista Felipe Melo e deu algumas “pedaladas” contra o rival, que não viu falta de respeito no lance.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Em entrevista ao programa “Alê Oliveira Responde“, do canal De Sola (Youtube), Felipe Melo relembrou o lance e disse que o atacante do Flamengo mostrou respeito contra o Verdão.

O Gabriel não brincou, ele demonstrou muito respeito naquela bola. Ele pedalou 60 vezes e tocou a bola para trás. Dei toda a lateral do campo para ele ir, está certo? Eu acho que isso aí é respeito, porque se fosse alguém que não respeitasse ia pedalar, vir para cima de mim, e aí ia ser complicado, porque ele é um jogador rápido, versátil“, disse o jogador do Palmeiras.

Mas, pedalar, parar e tocar a bola para trás, é respeito. E inteligência também, porque eu dei todo o campo para ele ir… Me conhece de longo tempo. Com certeza ele iria parar na bandeirinha se viesse para cima. O Gabriel é um menino por quem eu tenho muita consideração. Falta de respeito é se ele fizesse embaixadinha, virasse a cara, fizesse alguma sacanagem, aí sim seria“, completou.

Fase “doce” do Flamengo

Felipe Melo ainda relembrou como foi a derrota contra o campeão brasileiro no Maracanã, por 3 a 0, na última temporada.

Nós viemos de uma eliminação, jogamos contra uma equipe em um momento ‘doce’, que tudo o que fazia dava certo, e assim foi o ano deles. Começamos o jogo muito bem, tivemos um gol anulado, e esse negócio de VAR é complicado. Psicologicamente falando. Fizemos o gol, nossa torcida comemorou. O VAR anula, o Maracanã inteiro celebra. Aí eles fazem um gol. A nossa moral já não estava tão alta, a confiança cai, a do adversário sobe, e aí é complicado“, disse o jogador.

Confira a entrevista completa com o jogador do Palmeiras:

LEIA MAIS: