Marcelo Lomba projeta partida diante do Tolima: “Não é porque estamos jogando em casa que o jogo vem fácil”

Primeira partida na Colômbia terminou empatado em 0 a 0

Ítalo Bruno
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ SC Internacional

O Internacional terá nesta quarta-feira um difícil confronto pela Libertadores da América. Após empate sem gols na Colômbia, o Colorado precisa vencer no Beira-Rio. Em caso de empate com gols, o Tolima se classifica, se o 0 a 0 se repetir, a vaga será decidida nos pênaltis, situação comentada por Marcelo Lomba nesta terça-feira.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva! Siga o Torcedores também no Instagram

“Com certeza os prováveis batedores e quem se sente mais à vontade vai treinar. Não é o que a gente quer, mas vamos estar preparados”, sobre a possibilidade de pênaltis”, disse o goleiro do Inter.

O goleiro falou também sobre importância que a competição tem para o clube, pediu atenção principalmente no setor defensivo e alertou o jogo rápido como arma do Tolima.

“A Libertadores é um dos objetivos do clube, pela paixão do torcedor. Temos a questão de decidir em casa. O Tolima nos colocou difculdades. Temos que ter atenção no sistema defensivo. Não é porque estamos jogando em casa que o jogo vem fácil”, disse Lomba

“Mesmo jogando fora, conseguimos ter posse de bola, e em boa parte do jogo ter o controle. A equipe deles é muito forte fisicamente. Eles tem uma carta, o jogo rápido. Temos que estar concentrados 90 minutos”, completou.

Há dois jogos sem marcar, o ataque colorado é um ponto de preocupação para o confronto, levando-se em conta que o Internacional precisa balançar as redes. Mesmo diante do momento negativo, Lomba se mostrou confiante em Paolo Guerrero, camisa 9 e principal responsável por marcar os gols da equipe.

“Tenho certeza que na hora certa ele vai estar lá (no gol). Ele não ajuda só com gols. Contamos com ele e sabemos que ele sempre está à disposição.”

O goleiro também se mostrou confiante na classificação, mas manteve o discurso de humildade.

“Lá, o primeiro jogo nos disse algumas coisas. Trabalhamos bastante sobre a posse de bola. Estou bastante confiante para fazer uma boa partida.”

“O futebol é dentro de campo, mas com humildade. Mas vamos buscar o resultado”, completou Lomba.

Leia mais

Bruno Fuchs e Coudet falam sobre a busca por equilíbrio para que o Internacional se classifique na Libertadores