Presidente de clube da primeira divisão da França é acusado de abuso sexual por funcionária

Em comunicado, Angers Sporting Club de l’Ouest informa que Said Chabane afirma não ter cometido o ato; polícia investiga caso

Patrick Monteiro
Repórter do Torcedores com passagens por: jornal O Fluminense (Niterói/RJ) e diário Lance. Comentarista e narrador na extinta Rádio Fluminense AM 540, onde apresentou os programas "Futebol Internacional" e "Jornada Esportiva". Ex-colunista do site Chelsea Brasil. Cobriu, in loco, a Copa do Mundo FIFA 2014, incluindo a grande final (Alemanha x Argentina), entre outros eventos, como Rio Open de tênis, Copa Brasil de Vela e Conmebol Libertadores.

Crédito: Divulgação/Facebook/Angers SCO

Said Chabane, presidente do Angers, prestou depoimento à polícia francesa, na manhã desta quarta-feira (5), devido a um caso de suposto abuso sexual. É o que informou o próprio clube que disputa a Primeira Divisão do país.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

A acusação partiu de uma funcionária do Angers. Said nega que o fato relatado pela mulher tenha ocorrido.

“Said Chabane contesta formalmente todas as alegações apresentadas contra ele. Ele está confiante nos resultados da investigação, para a qual ele está cooperando totalmente”, comunicou o clube em nota oficial.

Clube e presidente não deram detalhes, mas o canal de TV RMC, da França, aponta que três pessoas participaram da denúncia que deu início ao processo de investigação.

Veja também

Neymar, CR7, Tévez, mais 8 e o treinador: um time de jogadores que celebram aniversário neste 5 de fevereiro

Não deu! Relembre 10 atletas que já participaram e foram eliminados de reality shows