Após título do Rio Open, Garín admite emoção: “Receber o troféu das mãos do Guga é incrível”

Garín foi campeão do Rio Open e teve um momento inesquecível na entrega do troféu.

Felipe Persiani
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Facebook

O Chileno derrotou na final do ATP 500 do Rio de Janeiro o italiano Mager por 2 sets a 1. É o maior título de sua carreira nível ATP. Na atualização do ranking, o jovem de 23 anos, será o número 18, sua melhor posição. Na entrega do troféu, o tenista viveu um momento que vai guardar para sua vida, Recebeu a taça das mãos de Gustavo Kuerten, mais conhecido como Guga.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Rio Open – aspas Garín

“A verdade é que eu nunca vou esquecer esta semana. Receber o troféu das mãos do Guga Kuerten é incrível, significa muito para mim”, revelou.

O chileno falou sobre o atual momento que vive no circuito do tênis. “Estou muito feliz, foi uma semana incrível, uma semana que não sei nem como descrever, foi muito boa em todos os sentidos. Ganhar aqui significa muito, ganhar um torneio desta magnitude. Hoje foi um dos melhores dias da minha vida”, completou.

A conquista no Rio Open foi a quarta em sua curta trajetória. Além dele, venceu em Houston, Munique e Córdoba, o último conquistado há duas semanas atrás.

LEIA MAIS

https://www.torcedores.com/noticias/2020/02/tenis-atp-500-e-250-agenda-da-semana

Número 55 do mundo no ranking da ATP, Alexander Bublik dispara: “Odeio tênis com todo o meu coração”