Sport anuncia demissão de Guto Ferreira após derrocada na Copa do Brasil

Leão venceu apenas dois compromissos realizados na temporada 2020

Cido Vieira
Jornalista em formação, e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com, trabalho como setorista do Botafogo e futebol nordestino

Crédito: Divulgação - Sport

Guto Ferreira não é mais o técnico do Sport. Um dia após a eliminação precoce na Copa do Brasil, a diretoria rubro-negra anunciou na noite desta quinta (13) a demissão do treinador. Guto estava prestes a completar um ano à frente da equipe pernambucana, e apesar de ter garantido o acesso à elite para 2020, não resistiu à sequência de resultados ruins neste início de temporada, cujo o estopim foi a derrota para o Brusque, ainda na fase inaugural do torneio copeiro.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva! Siga o Torcedores também no Instagram

Guto Ferreira chegou ao Leão após uma curta passagem de Milton Cruz. Iniciando seus trabalhos no dia 20 de fevereiro de 2019, o comandante conseguiu engatar uma série importante de vitórias e, posteriormente conquistou o Campeonato Pernambucano sobre o arquirrival Náutico. Na Série B, apesar do início irregular, o treinador colocou sua equipe no eixo e foi um dos personagens na volta para a elite do futebol brasileiro, terminando o certame como vice-campeão.

Diante do assédio de outras equipes, o Sport anunciou a renovação de contrato do treinador no início deste ano. Contudo, a sequência se empates e atuações abaixo do esperado acabaram minando sua sequência no clube pernambucano.

Guto se despede do Sport com um aproveitamento de 60,4%, com 25 vitórias, 23 empates e somente seis derrotas.

Para o clássico do próximo sábado (15) frente ao Náutico, o Leão deve ser comandado por César Lucena, técnico do Sub-20 do clube rubro-negro. O embate é válido pela 4ª rodada da Copa do Nordeste.

LEIA MAIS: