Super Bowl 54: Kyle Shanahan analisa derrota dos 49ers: “Difícil”

O treinador do San Francisco 49ers comentou sobre os erros no último quarto, que definiram a derrota no Super Bowl, por 31 a 20. Foi a segunda derrota de Kyle Shanahan no Super Bowl em sua carreira.

Gustavo Militão
Jornalista de Recife-PE, apaixonado por esportes.

Crédito: Reprodução

O fantasma de perder boas vantagens em decisões de Super Bowl voltou a atormentar o técnico do San Francisco 49ers, Kyle Shanahan. Mais uma vez o jovem treinador deixa escapar uma vantagem de mais de dez pontos numa decisão. A primeira vez foi quando ainda era o coordenador ofensivo do Atlanta Falcons, no Super Bowl 51, quando vencia por 28 a 3 o New England Patriots. Os Patriots viraram o jogo para 34 a 28 e venceram a decisão, em 2007.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Siga o Torcedores também no Instagram

Desta vez, como técnico principal, Shanahan viu a vantagem de 10 pontos dos 49ers contra o Kansas City Chiefs desaparecer no último período da decisão. Após a interceptação do defensor Tavarius Moore de um passe do QB Patrick Mahomes, os 49ers precisavam gastar os últimos 12 minutos de partida no relógio. Entretanto, só queimaram apenas 4:07 minutos nas duas próximas posses de bola e optaram por mais jogadas de passe (5) do que corridas (3). Tempo suficiente para Mahomes e os Chiefs virarem o jogo e se sagrarem campeões.

Questionado sobre isto na coletiva de imprensa, o treinador respondeu que gastar o tempo no relógio “não era uma prioridade”. Além disso, Kyle Shanahan apontou que os Chiefs ainda tinham três tempos a pedir.

“Era um jogo bastante normal naquele momento e tínhamos uma vantagem de duas posses. E tínhamos que conquistar descidas. Mas não fizemos e eles fizeram. É uma derrota difícil, que machuca todo mundo em nosso vestiário. Tivemos a oportunidade de vencer e falhamos”, comentou Shanahan.

Sem tempo para lamentações, Shanahan também procurou motivar o elenco já visando a próxima temporada dos 49ers. “Vamos lamber as nossas feridas e superar isso. Estou motivado para a próxima temporada. Espero manter estes caras e adicionar mais alguns. Estamos motivados”, garantiu o técnico.

LEIA MAIS:

Chiefs fazem último quarto histórico, viram contra os 49ers e conquistam o Super Bowl LIV

Kobe Bryant recebe homenagens no Super Bowl LIV

Veja a lista atualizada com os vencedores de cada ano do Super Bowl