Torcedor que praticou racismo contra Abraham ficará quatro anos sem frequentar estádios

O futebol inglês vem apresentando uma crescente em casos de racismo  Josef Smith, torcedor do Wolverhampton, foi condenado por manifestações racistas contra o atacante Tammy Abraham, em setembro do ano passado. O torcedor é titular de um lugar anual no Molineux Stadium, Josef Smith por Nuno foi condenado com um banimento válido por quatro anos, ou seja, o torcedor não poderá voltar a entrar no estádio do Wolves até ao final deste período. Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva! Siga o Torcedores também no Instagram Mas, as punições não pararam por aí, além do banimento por quatro anos, o torcedor também multado em cerca de 942 euros. Josef Smith ainda foi obrigado a pagar os custos do processo de que foi alvo, que rondam os 700 euros. Como noticiamos aqui, o futebol inglês o futebol inglês apresentou números alarmantes em relação a casos de racismo na última temporada. Segundo o Ministério do Interior, mis de 150 incidentes racistas relacionados ao futebol foram relatados à polícia na última temporada, ou seja, um aumento de mais de 50% em relação ano anterior e mais do que o dobro do número de três temporadas atrás. LEIA MAIS: Crise entre Messi e Barcelona começou após negociação frustrada com Neymar, diz jornalPirlo vai entrar para o Hall da Fama do futebol italianoAgente Jorginho acredita em novas propostas pelo jogador, na próxima janela de transferências

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: Divulgação