Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Detalhes burocráticos separam demissão por justa causa de Diogo Vitor no Santos

Santos vai rescindir contrato com Diogo Vitor, meia-atacante que colecionou polêmicas pelo clube da Vila Belmiro

Matheus Henrique Vieira Ramos
Estudante de Jornalismo. Setorista no Torcedores.com do Santos e Botafogo.

Crédito: Foto: Ivan Storti/Santos FC

Detalhes burocráticos separam a rescisão contratual do meia-atacante Diogo Vitor com o Santos. O jovem jogador era tido com uma das grandes promessas das categorias de base do clube, mas problemas extracampo o afastou dos gramados.

Por meio de sua assessoria de imprensa, o Alvinegro Praiano confirmou que Diogo Vitor já foi avisado que será demitido por justa causa. A rescisão na CBF ainda não aconteceu, como informou o clube.

O meia-atacante de 23 anos foi punido na Fifa por 18 meses pelo uso de cocaína e voltou aos treinamentos no CT Rei Pelé em novembro do ano passado. Em 2020, o Santos decidiu colocá-lo na equipe B, mas ele se apresentou com uma semana de atraso e acumulou faltas sem maiores justificativas, o que fez o clube decidir pela rescisão contratual.

“A gente tem, do início de fevereiro para cá, três notificações formais e informais ao atleta. Na última vez que ele compareceu, solicitou ao departamento de futebol mais um prazo para tratar de um problema de família, só que não retornou, não compareceu. A gente deixou isso para o departamento jurídico resolver, mas é muito provável que acabe tendo um fim em breve nessa situação dele porque a gente não tem resposta. O clube precisa tomar uma decisão e está sendo tomada essa semana”, disse Matheus Rodrigues, membro do Comitê Gestor do Santos, em entrevista ao programa “Revista do Esporte”, da TV Cultura Litoral.

LEIA MAIS:

Santos: Renyer está confiante por recuperação rápida e usa Ronaldo e Ibrahimovic como exemplos

Saída de Aguilar do Santos pode abrir espaço para Porozo e outros dois jovens zagueiros

Membro do CG diz que Santos não fez oferta por Robinho; Empresário de Pituca confirma sondagem do Atlético-MG