Guaraní enfrenta o Palmeiras com um discurso bastante ousado

Adversário do Verdão em jogo da Libertadores nesta terça fala em vencer no Allianz Parque

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com

Crédito: Divulgação/Guaraní

Palmeiras e Guaraní se enfrentam nesta terça-feira (10), às 21h30 (horário de Brasília), no estádilo Allianz Parque, pela segunda rodada do Grupo B da Copa Libertadores, e o time paraguaio, responsável pela eliminação do Corinthians no torneio, chega a São Paulo com um discurso bastante ousado.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

De acordo com o técnico Gustavo Costas, o Aborigen vai enfrentar o Verdão em busca de uma vitória para assumir a liderança da chave de forma isolada – atualmente as duas equipes dividem o primeiro lugar com três pontos.

Sabemos do potencial que o Palmeiras tem, seu poder econômico, é um rival duríssimo, mas dentro de campo são 11 contra 11 e teremos que ser inteligentes e saber como jogar“, disse o comandante do Guaraní em entrevista coletiva.

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

Questionado se a partida contra o Palmeiras será parecida com a derrota do Guaraní para o Corinthians, por 2 a 1, em São Paulo, que garantiu a passagem do time paraguaio à terceira fase da Libertadores, o treinador crê que seu time terá que jogar melhor ainda.

Não podemos dar tantos espaços e temos que saber quando pressionar. Temos que fazer um jogo melhor do que fizemos contra o Corinthians, porque no primeiro tempo daquele jogo eles nos superaram e fizeram dois gols. Não podemos dar essa vantagem“, explicou Costas, que promete não jogar defensivamente diante do Verdão.

Por fim, o técnico do Guaraní foi perguntado se o empate seria um bom resultado no Allianz Parque: “Ganhar é um bom negócio“, respondeu.

Mudanças confirmadas na escalação do rival do Palmeiras

O Guaraní terá duas mudanças em relação ao time titular que derrotou o Bolívar na estreia da fase de grupos da Libertadores.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

O meia Nicolás Mana e o lateral-direito Iván Ramírez deixam o time para as entradas de Rodrigo Fernández Cedrés e Victor Dávalos, respectivamente.

LEIA MAIS: