Mercado do Vôlei: Thaísa tem conversas adiantadas e deve permanecer no Minas

Thaísa foi um dos grandes destaques da campanha do Minas na Superliga 2019/20, e deve permanecer em Belo Horizonte para a próxima temporada

Andressa Fischer
Gaúcha, 21 anos. Vôlei | Futebol Gaúcho | Flamengo

Foto: Orlando Bento/MTC

Apesar do mercado do vôlei andar lento em razão do COVID-19, os clubes já começam a se movimentar aos poucos. E o Minas trabalha para manter o principal nome da equipe de Nicola Negro na última Superliga. De acordo com Daniel Bortoletto, Thaísa tem conversar avançadas com a diretoria minastenista e deve permanecer mais um ano na capital mineira.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique aqui e se inscreva! Siga o Torcedores também no Instagram

A central era uma das candidatas a levar o prêmio de melhor jogadora caso a competição nacional avançasse até a fase final. Contudo, a pandemia de coronavírus levou ao cancelamento dos playoffs do torneio, que terminou sem campeão declarado.

Thaísa foi considerada a MVP da Superliga 2019/20

Nas estatísticas, a bicampeã olímpica era destaque absoluto. Única da sua posição entre as maiores pontuadoras, a central anotou 332 pontos na fase classificatória, e só ficou atrás das opostas Paula Borgo, Lorenne e Polina Rahimova.

Além disso, a carioca se destacou como a maior bloqueadora com 94 bloqueios, o segundo melhor saque com 36 aces, e o melhor ataque com 57% de eficiência no fundamento. Com esses números, a meio de rede se coloca como uma das favoritas a figurar a lista final de José Roberto Guimarães para Tóquio-2020, e que seria a sua quarta Olimpíada consecutiva.

Em enquete realizada pelo Torcedores.com, a maioria escolheu a jogadora de 32 anos como a MVP da Superliga. Ficaram no pódio, a também minastenista Macris – eleita melhor jogadora da competição nacional na última temporada – e a líbero Camila Brait, que se destacou pelo Osasco.

LEIA MAIS

De volta ao Brasil, Rosamaria fala sobre temporada na Itália, e sonha com convocação olímpica

Enquete: Com as bicampeãs olímpicas, escolha a MVP da Superliga feminina 2019/20