Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Rogério Ceni explica rodízio no Fortaleza: “Objetivo é chegar nas finais com o time mais inteiro possível”

Técnico afirma que escalação em vitória pelo Cearense teve duelo contra o Náutico, pela Copa do Nordeste, como referência

Patrick Monteiro
Repórter do Torcedores com passagens por: jornal O Fluminense (Niterói/RJ) e diário Lance. Comentarista e narrador na extinta Rádio Fluminense AM 540, onde apresentou os programas "Futebol Internacional" e "Jornada Esportiva". Ex-colunista do site Chelsea Brasil. Cobriu, in loco, a Copa do Mundo FIFA 2014, incluindo a grande final (Alemanha x Argentina), entre outros eventos, como Rio Open de tênis, Copa Brasil de Vela e Conmebol Libertadores.

Crédito: Divulgação/Fortaleza EC

O rodízio implementado por Rogério Ceni nas partidas do Fortaleza ao longo da temporada tem um motivo. O treinador visa chegar às decisões dos campeonatos que o Tricolor disputa neste primeiro semestre e quer um time bem preparado fisicamente para estas ocasiões. Após a vitória por 3 a 0 sobre o Pacajus, na última quarta-feira (11), pelo Campeonato Cearense, ele comentou o tema.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“Temos um objetivo: chegar nas finais do Cearense e da Copa do Nordeste cm o time mais inteiro possível. Então, eu conversei com o Osvaldo e o Romarinho para poupá-los, porque são os melhores jogadores do meu time. Todos têm que saber entender o seu momento, fazer uma autoavaliação. Já escalei o time hoje pensando no Náutico. O atleta só pensa naquele jogo, eu penso no sistema”, explicou.

A noite foi também de estreia dos recém-contratados: o meia Luiz Henrique e o atacante Yuri César. O segundo colocou a bola dentro da rede logo na primeira oportunidade que recebeu em campo, depois da assistência de Carlinhos.

“É muito mais ligado à sorte o fato de eu ter colocado o jogador e ele ter feito o gol na primeira bola. Nenhum treinador coloca um jogador com a expectativa que ele faça gol na primeira chance. Ele é um jogador agudo, um jogador ofensivo. O menino tem talento. Agora, o que faz diferença é o tempo que a gente não tem a bola”, considerou Ceni.

No próximo sábado (14), às 18h (de Brasília), o Leão joga pela Copa do Nordeste. O confronto da penúltima rodada da fase de grupos é fora de casa, nos Aflitos, contra o Náutico.

Leia também:

Rotenberg explica situação de Yaya Touré e indica cenário indefinido

Trio de arbitragem português entra em quarentena após viagem à Itália