Romero lamenta queda do Cruzeiro, explica saída e garante retorno

Volante se diz surpreso com o rebaixamento do Cruzeiro e projeta volta no futuro

Eder Bahúte
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Ex-Cruzeiro e atualmente no Independiente, da Argentina, o volante Romero ainda deixa saudades no torcedor celeste. De longe, o meio-campista acompanhou a dura caminhada do time brasileiro que culminou com o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“Fiquei triste igual aos torcedores. Aqui da Argentina fui um torcedor a mais, acompanhei o time no fim do ano, como até hoje acompanho, estava torcendo pelos meus companheiros, meus amigos que ficaram, mas infelizmente aconteceu (o rebaixamento). Com certeza, depois da minha saída, não imaginei que o Cruzeiro continuaria com resultados negativos e cairia para a Série B. O Cruzeiro é um time grande, sua história fala mais do que a realidade atual e, com certeza, voltará ao lugar que merece e nunca deveria ter saído”, afirma em entrevista à Rádio Itatiaia.

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

Em agosto do ano passado, Romero optou em retornar ao país de origem. Ele aponta o principal motivo da sua decisão.

“Tinha a minha filha que estava a caminho. Hoje, ela está alegrando os nossos dias. Todo mundo sabe do carinho que tenho pelo Cruzeiro, estava muito feliz, mas achei que era o momento de sair, de seguir minha carreira. Jogar em um clube grande como o Independiente aqui no meu país será muito bom para a minha carreira”, explica.

“Manifestei a minha vontade para a diretoria, mas, em princípio, não queriam me deixar sair. Depois entenderam que era melhor para a minha carreira. Foi uma decisão que tomei em conjunto com a minha família e com o meu empresário”, completou.

Voltará ao Cruzeiro?

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Foi um ‘até logo’. É um time que ganhou o meu respeito e o meu carinho. Com certeza, sei que um dia vou voltar. Sempre a prioridade será do Cruzeiro porque lá ficou a minha família e fui muito feliz durante muito tempo.

Coronavírus

Aqui na Argentina todo mundo está tomando as precauções necessárias para sair desta situação que está assolando o mundo inteiro. Todo mundo ficando em casa, porque aqui a quarentena é obrigatória. Estou treinando em casa para voltar em ótimas condições quando tudo voltar à normalidade.

LEIA MAIS: