Santos lucra valor milionário com venda de Serginho para clube chinês

Revelado pelo Santos, Serginho foi vendido para time chinês e deu lucro para o Peixe

Matheus Henrique Vieira Ramos
Estudante de Jornalismo. Setorista no Torcedores.com do Santos e Botafogo.

Crédito: Ivan Storti / Divulgação Santos FC

Com dificuldades financeiras, o Santos recebeu essa semana valores do mecanismo de solidariedade da Fifa pela transferência de jogadores que foram revelados pelo Peixe. A revelação foi feita por Matheus Rodrigues, membro do Comitê Gestor do Peixe, em entrevista para o programa “Revista Esporte”, da TV Cultura Litoral.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Um jogador que deu lucro ao Santos foi o meia Serginho, revelado pelo clube da Vila Belmiro. Segundo o site da Gazeta Esportiva, o Alvinegro Praiano recebeu cerca de 600 mil dólares (R$ 3 milhões) pela venda do Menino da Vila ao Changchun Yatai, da segunda divisão da China. Antes, o jogador estava atuando no Kashima Antlers, do Japão.

O valor total da venda do meia para o time chinês foi de 2,6 milhões de euros (R$ 14 milhões). O Peixe recebeu 20% de uma venda futura, além do mecanismo de solidariedade da Fifa.

Serginho surgiu muito bem nas categorias de base do Santos e foi campeão da Copa São Paulo de Futebol de 2014. Porém, ele não conseguiu repetir as boas atuações no time profissional e sempre teve status de reserva. Após se destacar no América-MG, o Peixe negociou o meia em definitivo em julho de 2018 com o futebol japonês.

O Santos também espera receber até segunda-feira (23) o dinheiro da venda de Felipe Aguilar ao Athletico Paranaense, que topou pagar R$ 10 milhões à vista para contratar o zagueiro colombiano. Parte desses valores serão usados para quitar a dívida com o Hamburgo, da Alemanha, pela aquisição de Cleber Reis na gestão de Modesto Roma.

LEIA MAIS:

Detalhes burocráticos separam demissão por justa causa de Diogo Vitor no Santos

Santos: Renyer está confiante por recuperação rápida e usa Ronaldo e Ibrahimovic como exemplos

Saída de Aguilar do Santos pode abrir espaço para Porozo e outros dois jovens zagueiros