Lateral do Palmeiras teve 4 propostas da Europa; meia do sub-20 vai sair

Empresário dos atletas explica situação dos dois jogadores do Verdão

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com

Crédito: Divulgação/Palmeiras

Em entrevista ao “Canal do Nicola“, o empresário Marcelo Robalinho revelou que o lateral-esquerdo Lucas Esteves, promovido aos profissionais no início desta temporada e que ainda não atuou neste ano, teve propostas para sair, mas o clube vetou.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

De acordo com o agente, a ideia do Verdão era ter Esteves como reserva imediato na posição em 2020, mas os planos mudaram um pouco com a chegada de Luxemburgo e da contratação do uruguaio Matías Viña.

Acabamos de renovar o contrato dele com o Palmeiras. É um jogador muito promissor, tem muito mercado na Europa. Teve quatro propostas no ano passado. O Palmeiras não quis fazer negócio. Teve proposta de clubes da Espanha, da Holanda… O Valladolid (ESP, presidido por Ronaldo Fenômeno) era um deles, da Espanha nós tivemos três. No caso do Valladolid era empréstimo com opção de compra e era um negócio ruim para o Palmeiras”, disse.

(Proposta) Em definitivo eu tive uma possibilidade, mas o Palmeiras foi categórico, dizendo: ‘Nem começa, nem perde teu tempo. É um jogador que não vamos nos desfazer’. Na época, o Felipão gostava demais (do Esteves)”, afirmou Robalinho.

Me disseram que o Esteves jogaria na Florida Cup, por isso nem fomos atrás de novas situações. Mas a partir do momento que ele não jogou nos Estados Unidos, eu trouxe novas situações e o Palmeiras me disse que nada havia mudado e que o plano seguia o mesmo“, completou.

No futebol, você precisa de uma palavra: paciência. Precisa ter essa palavra na cabeceira se você quiser vencer“, finalizou Robalinho, mandando um recado para Esteves.

Meia do sub-20 do Palmeiras de saída

Além de Esteves, Marcelo Robalinho ainda agencia o meio-campista Tomás, que disputou a Copa São Paulo de Juniores neste ano com o Verdão e está de saída.

O contrato do jogador de 20 anos termina em maio deste ano e não será renovado.

Infelizmente, o Tomás no ano passado sofreu uma lesão no tornozelo, teve que passar por uma pequena cirurgia, e ele acabou perdendo espaço. O contrato dele vence agora em maio e já tenho algumas situações de Europa para o jogador. às vezes o clube não tem condição de dar um contrato melhor e acaba perdendo, porque o contrato termina“, explicou Robalinho.

LEIA MAIS: