Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Vale a pena ver de novo? Corinthians tem repatriado atletas com boa passagem pelo clube mas rendimento não é mesmo

Sidcley é o exemplo mais recentes de atletas que o Corinthians repatriou e que não tiveram o mesmo desempenho da primeira passagem

Diego Lucio Castro de Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Rodrigo Coca/Corinthians

Sabe aquela história de ‘o bom filho à casa torna’? O Corinthians tem usado muito disso nos últimos anos. O clube alvinegro tem repatriado diversos jogadores com passagem vitoriosa por Parque São Jorge. Mas na maioria dos casos, o nível do atleta já não é o mesmo de anteriormente.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

 

Pensando nisso, o Torcedores.com resolveu analisar cada um desses retornos ao Corinthians, para entendermos o por quê desse pensamento e o por quê da maioria desses jogadores não darem certo na segunda passagem.

Quem voltou?

Pensando apenas nos últimos 10 anos, listamos os seguintes atletas, que em algum momento, saíram e retornaram ao clube:

– Gil
– Sidcley
– Ralf
– Cristian
– Elias
– Douglas
– Jadson
– Emerson Sheik
– Vagner Love

Por que voltaram ao Corinthians?

Listamos em ordem, os principais motivos desses retornos ao Corinthians:

1 – Diretoria tentando agradar a torcida, com a volta de um ídolo;
2 – Oportunidade de mercado (O atleta não deu certo fora do país, e sua volta foi facilitada pelo clube);
3 – Baixo nível técnico do elenco.

Algum retorno deu certo?

Entre os jogadores listados, podemos citar como ‘cases’ de sucesso, Elias e Douglas. O volante saiu em 2010 e voltou em 2014, e conseguiu alcançar alto nível no Brasileirão de 2015. Já Douglas, saiu em 2009 e voltou em 2012, para fazer parte do elenco campeão da Libertadores e Mundial. Ambos saíram de sua segunda passagem por baixo.

Podemos citar como regulares, as voltas de Gil, Ralf e Jadson. No caso do zagueiro, a volta em 2019 em um momento conturbado, prejudicou o desempenho do atleta. Atualmente, ainda está no elenco e é o pilar da zaga. Já Ralf e Jadson conseguiram ser campeões em seus retornos em 2017 e 18 respectivamente, mas o mal desempenho e físico questionável de ambos, os fizeram sair pelas portas dos fundos no final da temporada.

Por último, citamos quem deu errado mesmo na segunda passagem pelo Corinthians. Aquele que voltou em nível ruim ou péssimo. Sidcley, Cristian, Emerson Sheik e Vagner Love figuram nessa lista.

Sidcley fez grande campeonato paulista em 2018 e logo saiu. Sem oportunidades na Europa, retornou no início de 2020, mas com alguns quilinhos a mais, e mesmo em tão pouco tempo de temporada, causou desconfiança e críticas em sua volta. No caso de Cristian, o motivo da volta foi parecido e o insucesso foi o mesmo. Foi terceiro reserva no time campeão em 2015, e quando teve oportunidades decepcionou. Sheik voltou duas vezes, uma em 2015 e outra em 2018. Nessa última, voltou mesmo para encerrar a carreira, porque futebol mesmo não se viu. E Vagner Love foi também uma oportunidade de mercado, pois chegou em um elenco com outros dois centroavantes, em um momento que talvez não fosse uma necessidade. Se tirarmos o gol na final do Paulistão de 2019, não sobra nada.

A segunda passagem ‘mancha’ a primeira?

Na maioria dos casos, sim. Emerson Sheik é um caso a parte, pois é o herói da final da Libertadores, e é muito difícil apagar aquela imagem. Gil, Sidcley e Love, ainda estão no atual elenco do Corinthians, e podem apagar uma possível imagem ruim. Já os outros, terão aquele asterisco na história, por voltar em um momento ruim da carreira.

Rumores de novos retornos

Se já não fossem retornos o bastante, diversos rumores tem surgido nessa parada do futebol, sobre jogadores campeões pelo clube, que poderiam estar de volta. Vamos a eles:

– Balbuena
– Pablo
– Renato Augusto
– Jô

Independente da viabilidade do momento, se vai ser um empréstimo ou compra, ou se o valor vai ser alto. Esses quatro atletas tem boa chance de figurarem na lista acima. Fica a dúvida, se poderão render o que já renderam um dia e se poderão manchar a história bonita que cada um já criou no Corinthians.

LEIA MAIS
Palmeiras x Corinthians: quem conseguiu mais vezes a classificação em um Derby?

Lembra do Rio-São Paulo? Confira todos os campeões do extinto torneio regional

De Mazzola a Casemiro: 10 brasileiros que marcaram em finais de Champions League

Renato Gaúcho, Iniesta e mais: 10 gols decisivos marcados na prorrogação