Jornal lista os melhores jogadores de futsal de todos os tempos

 

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: reprodução

A lista contém grandes jogadores do futsal brasileiro, inclusive o craque Falcão

 

 

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

O jornal espanhol AS listou os melhores 10 jogadores de futsal de todos os tempos, a lista tem, com certeza a participação Falcão, mas ele não é o único brasileiro que foi citado; Veja os nomes.

Falcão

O craque é o maior artilheiro da história da Seleção Brasileira. Ele ganhou a Copa América cinco vezes (1998, 1999, 2000, 2008 e 2011), a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2007 e duas Copas do Mundo em 2008 e 2012. Além disso, foi premiado como o melhor jogador do ano em 2004, 2008, 2011 e 2012. Em nível de clube, toda a sua carreira foi no Brasil, onde conquistou nove Campeonatos E seis Copas do Brasil, entre outros títulos.

Ricardinho

O jogador foi eleito o melhor do mundo seis vezes, ganhou a Eurocopa com Portugal em 2018. Além de ser reconhecido com os títulos de melhor jogador em competições como a Euro 2007, na Liga Portuguesa na temporada de 2006/07, (também melhor jovem em 2002/03), na Liga japonesa de 2010/2011, na Copa da Espanha de 2014 e na Liga Nacional em 2013/2014 e em 2014/2015. Em 2012, recebeu a Bola de Bronze na Copa do Mundo. Em nível de clube, o português ganhou com o Benfica (clube pelo qual assinou em 2003) cinco Ligas, uma Copa da Europa em 2010, quatro Taças de Portugal e três Supercopas de Portugal, além de outros títulos em outros países.

Schumacher

O brasileiro Flávio Sérgio Viana ‘Schumacher’ foi o melhor representante total do jogador. Possuía qualidade, tiro e poder físico. Peça-chave do Interviú que dominou o futsal europeu e o melhor jogador do mundo em 2008. Com o Brasil, ele também ganhou a Copa do Mundo de 2008.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Javi Rodríguez Nebreda

O ala jogou a maior parte de sua carreira no Playas de Castellón e no Barcelona, onde ganhou quatro Ligas, duas Copas da Espanha, duas Copas do Rei e uma Supercopa da Espanha. Como jogador da seleção espanhola da qual foi capitão, conquistou duas Copas do Mundo (2000 e 2004) e quatro Euros (2001, 2005, 2007 e 2010), é o jogador com mais convocações, 171 e é o artilheiro com 102 gols.

Ramon Carosini

Jogou nos clubes paraguaios Dom Bosco, Humaitá, e depois de ser considerado o melhor jogador da Copa do Mundo de 1985 na Espanha, assinou com o Time de Madrid Interviú Lloyd’s, hoje Inter Movistar. Em 1988, ele repetiu o melhor título da Copa do Mundo fiFUSA na Austrália e liderou sua equipe na vitória final sobre o Brasil. Ele também foi o artilheiro da Copa do Mundo de 1982, a primeira edição do campeonato a ser disputado no Brasil.

Paulo Roberto

Considerado uma revolução para este esporte, o espanhol-britânico foi o carro-chefe da equipe ElPozo Murcia. Como jogador, detém um recorde invejável: uma Liga Espanhola de Futsal (1997-98), duas Copas da Espanha (1995 e 2003), uma Supercopa da Espanha (1995). Em termos de títulos europeus, ele ganhou uma Copa dos Campeões (2003) e bronze nos clubes europeus de 1999 em Moscou, onde foi eleito o melhor clube do campeonato. O jogador também foi campeão da Copa do Mundo em 2000.

Konstantin Eremenko

Na liga russa, ele marcou 553 gols pelo Moscow Dina, que então presidiu. Também levou a Rússia a alcançar seu grande feito, a Euro 1999, contra a Espanha. Ele morreu em 2010.

Luis Amado

Além de duas Copas do Mundo e seis Euros com a seleção espanhola, para a qual foi convocada 138 vezes. Em distinções individuais, foi eleito sete vezes o melhor goleiro da Liga Nacional de Futsal de 1999 a 2001 e foi o melhor jogador do ano em 2008.

Manoel Tobias

Mais um jogador do futsal brasileiro. Ele estreou o Prêmio Planeta Futsal (a bola de ouro do futsal) vencendo as três primeiras edições. Ele ganhou as Copas do Mundo de 1992 e 1996 com o Brasil, e nas quatro edições que disputou no total, marcou 43 gols, um recorde que Falcão tirou dele em 2016.

Kike Boned

Ele foi absoluto internacional em 180 ocasiões com a seleção espanhola, da qual foi capitão e com o qual foi proclamado pentacampeão europeu, bicampeão mundial em 2000 e 2004, um IV Torneio das Nações (1999) e um Torneio de Cingapura da FIFA (2001). O jogador também foi eleito o melhor jogador do mundo em 2009, a Bola de Prata da Copa do Mundo de 2012.

LEIA MAIS:

6 jogadores que fizeram parte dos tempos de ouro da Costa do Marfim

6 jogadores que são africanos e talvez você não saiba

 Por onde andam os campeões da Champions com a Inter de Milão em 2010