Por onde anda Rosinei, ex-jogador revelado no Corinthians?

Volante que começou a carreira no Parque São Jorge completa 37 anos neste domingo (3). Seu último clube foi o Palmas, da capital tocantinense.

Cássio Cundari
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: Reprodução / Facebook.

Nascido em Cruzeiro (SP), Rosinei foi para o Corinthians ainda nas categorias de base. Após breve passagem pelo São Caetano, já como profissional, o jogador voltou para o Timão em 2004 e lá permaneceu por quatro anos. Neste período, participou da conquista do Campeonato Brasileiro de 2005.

Depois de tentar a sorte na Espanha, atuando pelo Real Murcia, Rosinei voltou para o futebol brasileiro. Vestindo a camisa do Internacional-RS, foi campeão gaúcho em 2008 e conquistou a Copa Sulamericana no ano seguinte. Entre 2009 e 2012, o jogador teve mais uma experiência internacional, desta vez no México, defendendo o América.

De volta novamente ao país, Rosinei foi para Atlético-MG, tendo participado da conquista da Taça Libertadores, em 2013. A partir de 2014, o jogador iniciou o périplo tão comum aos atletas com a carreira em declínio. Acumulou passagens apagadas pelo futebol paranaense (Coritiba e Paraná), carioca (Tigres), cearense (Fortaleza) e catarinense (Almirante Barroso).

Em 2017, seu último lampejo de sucesso aconteceu em Maceió, com a conquista do Campeonato Brasileiro da Série C pelo CSA. No ano seguinte, após passagem pelo Juventus-SP, Rosinei chegou a anunciar sua aposentadoria. No entanto, o jogador voltou a atuar em 2019, defendendo o Palmas. Pela equipe do Tocantins, participou da Série D e da Copa do Brasil.

Fim da Carreira

Após encerrar a carreira em definitivo, Rosinei segue muito próximo ao futebol, sempre em contato com seus companheiros de profissão. Além de ser presença constante em programas esportivos de televisão, o ex-jogador participou em dezembro último de jogo beneficente (foto) promovido por Emerson Sheik.

Junto com o ex-jogador Édson Sitta, Rosinei arriscou seus primeiros passos como empresário de futebol e pode seguir no ramo. A empresa onde atua o ex-companheiro dos tempos de Corinthians é responsável, por exemplo, por agenciar a carreira do atacante Gustavo, o “Gustagol”.

LEIA MAIS
Inter contrata atacante Gustavo