Guga recusa convite para ser treinador de grego top 10 do ranking

Guga recusa convite para treinar Stefanos Tsitsipas atual nº 6 da ATP

Carlos Lemes Jr
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Facebook Oficial

Não vai ser dessa vez que Guga voltará as quadras de tênis, se não para dentro delas, pelo menos, nas tribunas. Isso, porque o brasileiro, ex-nº1 do mundo, recusou um convite para treinar o grego Stefanos Tsitsipas, atual nº 6 da ATP.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

“Mandei uma mensagem para ele (Tsitsipas), porque ele foi muito legal comigo. Fui bem direto ao ponto e disse para não criar expectativa, explicando que isso não fazia muito sentido para mim no momento. Deixei uma abertura para poder ajudá-lo se achar que consigo. Mas isso não é uma coisa simples, porque acho que é necessário um trabalho diário”, revelou Guga ao programa Tennis Legends, do canal Eurosport.

A justifica dada para o grego, segundo o catarinense, é acompanhar melhor o crescimento dos filhos, Luis Felipe e Maria Augusta.

“Eu já sou um treinador, treino o pessoal aqui em matemática, português, etc. É um trabalho 24 horas por dia, 7 dias por semana”, brincou o catarinense, falando sobre os filhos. “Não é algo para mim no momento. Faz 10 anos que não jogo profissionalmente, tenho filhos pequenos em casa e quero acompanhar a jornada deles ao lado de minha esposa”, completou Guga, na mesma entrevista.

LEIA MAIS

Tenista Naomi Osaka é a atleta feminina mais bem paga na história do esporte no período de um ano