Jorge Masvidal ameaça se aposentar se UFC não lhe remunerar como deseja

‘Gamebred’ é um dos que entrou em rota de colisão com Dana White por causa dos salários dos atletas

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook Oficial UFC

Alguns dos astros do UFC se rebelaram contra a organização por questões financeiras. Um deles é Jorge Masvidal, que vem protestando por não ter tido uma proposta que lhe agradasse para lutar contra Kamaru Usman pelo cinturão dos meio-médios.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Em vídeo no Instagram, o ‘Gamebred’ afirmou que pode não mais lutar no Ultimate se não for pago como acredita que deve. E que ‘não precisaria’ do dinheiro da luta para poder viver.

“Eu tenho minha vida feita. Não preciso lutar, luto porque amo. Tenho lutado há 17 anos, eu não preciso mais lutar. Luto porque amo, mas quero ser remunerado por isso”, disse Masvidal segundo o ‘The Sun‘.

O principal ponto de litígio entre o UFC e Masvidal é a recusa do ‘Gamebred’ em aceitar a proposta feita pelo Ultimate para lutar contra Usman, que seria o mesmo valor que recebeu em sua mais última luta, contra Nate Diaz. A recusa de Dana White em aceitar uma pedida maior mais parte do pay-per-view o fez declarar guerra ao Ultimate.

“Isso é sobre o quanto eu quero receber do pay-per-view, a minha parte. Esta é uma das coisas pelas quais estou lutando. Acho que a divisão de valores não é justa. Eles esperam que eu lute por pouco ou até de graça. Amo competir neste esporte, mas já faço isso há um bom tempo”, disse.

Com a recusa de Masvidal, Gilbert Durinho se tornou o rival de Usman pelo cinturão até 77kg, no UFC 251, em Abu Dhabi.

LEIA MAIS

Lutadora do UFC diz que reality show rendeu mais dinheiro do que MMA

(Crédito da foto: Divulgação/Facebook Oficial UFC)