Home Lutas Rivalidades inesquecíveis e lutas marcantes: os 10 melhores momentos de Undertaker na WWE

Rivalidades inesquecíveis e lutas marcantes: os 10 melhores momentos de Undertaker na WWE

Com a aposentadoria iminente de Undertaker, o Torcedores.com lista 10 momentos inesquecíveis da carreira do ‘deadman’

Diego Lucio Castro de Oliveira
Diego Lucio é profissional da área de TI, e escreve sobre futebol e artes marciais desde 2018. Mergulhou ainda mais no mundo das lutas em 2023, e participou de duas coberturas 'in loco' do UFC 283 e do UFC São Paulo.
Melhores momentos Undertaker WWE

Reprodução/WWE

PUBLICIDADE

No último episódio do seriado “Last Ride”, disponível no WWE Network, Undertaker ‘deu a entender’ que está se aposentando dos ringues da WWE. O lutador lendário se referiu ao combate que teve com AJ Styles na WrestleMania 36, como o último de sua carreira.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Pensando nisso, o Torcedores.com resolveu listar 10 grandes momentos da carreira de Undertaker na WWE:

10 melhores momentos de Undertaker na WWE

Menções honrosas

As ‘viradas’ entre os personagens de ‘Deadman‘ e ‘American Badass‘ foram perfeitas e marcantes. Mas ambas não foram para a lista pois ‘se confundem’ com os alguns momentos citados nesse Top10.

PUBLICIDADE

10 – ‘Boneyard Match’ contra AJ Styles

Vamos abrir a lista com o que pode ter sido o último momento de Undertaker lutando pela WWE. Numa luta cinematográfica, Taker voltou com seu personagem ‘American Badass’, para lutar contra o excelente AJ Styles num cenário parecido com um cemitério. O resultado foi mais uma das gigantescas vitórias do lendário lutador em WrestleManias. Vale lembrar que Taker deu esse show mesmo aos 55 anos de idade.

9 – Luta ‘Hell in a Cell’ contra Mick Foley

A luta dentro da jaula ainda era novidade em 1998, mas Foley e Taker mostraram a real essência daquela estipulação. Luta sangrenta, cheia de objetos e com direito a uma queda de Foley do topo da cela.

8 –  Brothers of Destruction (Dupla com Kane)

A história de Undertaker com Kane é extensa e cheia de rivalidade (falaremos disso em um tópico mais pra frente), mas quando ambos formaram dupla, eram quase imbatíveis. Brothers of destruction foi sim uma das principais duplas da história da WWE.

7 – Vitória contra Edge na Wrestlemania

Undertaker venceu uma luta ‘Elimination Chamber‘ em 2008, e teve o direito de enfrentar o campeão peso-pesado da WWE, Edge. A rivalidade foi intensa e proporcionou um grande combate na WrestleMania 24. O resultado é claro que foi a vitória do Deadman.

PUBLICIDADE

6 – Estreia no Survivor Series de 1990

Na luta 5×5 temática daquele Survivor Series, estreou um lutador com cara de mal, chapéu esquisito e música macabra. Era o nascimento de Undertaker. Aquele foi o primeiro passo de uma era interminável.

5 – Primeiro título contra Hulk Hogan em 1991

Um ano após a estréia, Undertaker se tornou o mais jovem (na época) campeão da WWE, depois de derrotar o também lendário Hulk Hogan no Survivor Series de 1991. Aquele seria o primeiro dos sete reinados de Taker na empresa.

4 – Rivalidade e combates contra Kane

Kane volta a figurar entre os grandes momentos de Undertaker. Não atoa, tendo em vista que foram duas rivalidades que resultaram em dois combates de WrestleMania (Edições 14 e 20). Na luta mais recente, Taker ainda estava com seu personagem ‘American Badass’ quando enfrentou Vince McMahon no Survivor Series de 2003. A luta tinha a estipulação ‘Buried Alive’, onde o vencedor teria que enterrar seu adversário vivo. Vince venceu Undertaker com a ajuda de Kane. A storyline girou então em torno da ‘morte’ de Taker. Morte? Então que voltasse o ‘Deadman’ (Homem morto). Foi o que aconteceu, e com seu personagem tradicional de volta, Taker venceu Kane na WrestleMania seguinte.

3 – Fim da streak de Undertaker contra Brock Lesnar

Sim, uma derrota entre os três momentos mais marcantes de Undertaker. Não pelo combate ou pelo resultado em si. Mas a vitória de Brock Lesnar na WrestleMania 30, deu a dimensão do tamanho do feito de Taker, que até então havia vencido 21 lutas de WrestleMania seguidas. Momento triste, chocante, porém muito marcante sim.

PUBLICIDADE

2 – Rivalidade e combates contra Triple H

Undertaker vinha de grandes e intensos combates (próximo tópico explicará um pouco disso), e não se via desafiante a altura em WrestleMania. Pois Triple H se colocou nais uma vez no caminho do ‘Deadman’ (Ambos já haviam se enfrentado na edição 17). Taker venceu aquele combate na edição 27, e não contente, desafiou o ‘The Game’ para outra luta na edição 28. Combate ‘Hell in a Cell’, com Shawn Michaels de árbitro. Um combate emocionante que parecia ser o fim da ‘streak’. Mas não foi, e Taker venceu mais uma excelente luta.

1 – Rivalidade e combates contra Shawn Michaels

Foram dois anos rondando essa rivalidade, que parecia ser ‘apenas’ mais uma das grandes rivalidades de Undertaker na WrestleMania. Mas foi muito mais que isso. Michaels e Taker fizeram uma luta fantástica na edição 25 da WrestleMania, com o ‘deadman’ saindo com a vitória. O HBK não se contentou e declarou que podia sim, vencer Undertaker. Então Michaels desafiou Taker pra mais uma luta na WrestleMania 26. Taker não topou, o que fez Micheals ‘ficar louco’ atrás daquele combate. Michaels custou o título de Taker meses antes daquela edição da WrestleMania, o que fez Undertaker aceitar aquela luta, mas com a estipulação ‘Streak vs Career’, onde se Shawn Michaels perdesse, teria que se aposentar. Tal fato, trouxe uma carga emocional ao combate, e fez com que aquela vitória de Taker, fosse a mais marcante de todas na WWE. A reação do público presente diz tudo.

LEIA MAIS
Matt Riddle, Jordan Devlin e outros lutadores da WWE são acusados por supostos casos de abuso sexual